quarta-feira, 30 de abril de 2008

INFORMAÇÕES AO MPE

O presidente da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte Kléber Lavor encaminhou na última semana documentos ao Ministério Público Estadual. Ele respondeu solicitação do MP sobre os cargos comissionados criados em Juazeiro do Norte pelo atual prefeito Raimundo Macedo e aprovados pelo legislativo juazeirense.

O MPE quer saber as justificativas de Raimundão para a criação de algo em torno de 1.900 cargos comissionados em 4 anos de gestão.

BANCO DO NORDESTE ENTREGA PRÊMIO BNB DE JORNALISMO

O Prêmio BNB de Jornalismo em Desenvolvimento Regional – edição 2007 contemplou profissionais do jornalismo de oito Estados brasileiros. Distribuído nas modalidades nacional, regional e universitário, além de um prêmio especial disputado por matérias veiculadas em cidades com menos de 100 mil habitantes, o concurso abrangeu premiações no total de R$ 122 mil.

Os premiados na modalidade nacional receberão seus certificados no dia 5 de maio, em solenidade no Cineteatro do Centro Cultural BNB-Fortaleza, às 19h30min, com a presença do presidente do BNB, Roberto Smith, diretores e superintendentes do Banco, além de convidados e profissionais ligados à comunicação.

Na ocasião, serão entregues cinco prêmios nacionais para profissionais da Comunicação, sendo três deles no valor de R$ 12 mil cada, destinados aos melhores trabalhos nas categorias Mídia Impressa - Texto, Mídia Eletrônica - Televisão e Mídia Eletrônica – Rádio; e dois prêmios no valor de R$ 7 mil cada, para os melhores trabalhos nas categorias Mídia Impressa - Foto e Mídia Eletrônica – Internet.
Concorreram à edição de 2007 do Prêmio BNB de Jornalismo em Desenvolvimento Regional mais de 170 profissionais e estudantes universitários com trabalhos divulgados durante o ano passado em 64 veículos nacionais e regionais, entre emissoras de rádio e TV, jornais e revistas de todo o País, envolvendo o tema “Desenvolvimento Regional”.

Durante a cerimônia, será realizado o lançamento da nova edição do concurso, que contemplará os melhores trabalhos jornalísticos sobre Desenvolvimento Regional divulgados ao longo deste ano.

Prêmios regionais
Também na noite do próximo dia 5, serão divulgados o ganhador do prêmio especial para trabalho veiculado em cidade com menos de cem mil habitantes, no valor de R$ 3 mil) e os vencedores da modalidade regional (tanto profissionais quanto universitários). Os concorrentes nessa modalidade são todos os inscritos que não foram contemplados na premiação nacional, divididos em três regionais: a Regional I reúne os concorrentes dos estados da Bahia, Minas Gerais, Pernambuco e Ceará; a Regional II, concorrentes do Rio Grande do Norte, Paraíba e Maranhão; e a Regional III, concorrentes do Piauí, Alagoas, Sergipe e Espírito Santo.

Para cada Regional, serão concedidos seis prêmios, sendo três deles no valor de R$ 5 mil cada, nas categorias Mídia Impressa - Texto, Mídia Eletrônica - TV e Mídia Eletrônica - Rádio; dois prêmios no valor de R$ 3 mil cada, nas categorias Mídia Impressa - Foto e Mídia Eletrônica-Internet; e um prêmio universitário, no valor de R$ 2 mil.

A entrega da premiação aos vencedores regionais e ao ganhador do prêmio especial para cidade com menos de cem mil habitantes ocorrerá posteriormente, em solenidades locais, a serem marcadas pelas respectivas superintendências estaduais do BNB.

Concurso 2008: premiação nacional chega a R$ 18 mil

A nova edição trará mudanças em relação à anterior. A principal delas é que os contemplados das três regionais em cada categoria serão finalistas da premiação nacional. Os vencedores, portanto, acumulam os prêmios. Nas categorias Mídia Impressa - Texto, e Mídia Eletrônica - TV e Rádio, por exemplo, a premiação chega a R$ 18 mil. Concorrendo ao prêmio máximo, todos os finalistas que não residirem em Fortaleza virão à sede do BNB com todas as despesas pagas para participar da solenidade.

Retomado há cinco anos pela atual administração do Banco, o Prêmio tem como objetivo estimular o debate e sensibilizar a sociedade sobre a importância de ações inovadoras na área do desenvolvimento regional, com ênfase na democratização do crédito, capazes de gerar negócios mais estruturados e promover o crescimento econômico com inclusão social no Nordeste.

VASQUES QUER PARCELAMENTO DE MULTAS

Está tramitando na Assembléia Legislativa projeto de autoria do
deputado estadual Vasques Landim que institui o parcelamento, em até seis
vezes, de multas referentes a infrações de trânsitos cometidas no
Ceará. Mesmo parcelando, o proprietário do veículo teria direito aos
procedimentos de renovação de Carteira Nacional de Habilitação, Licenciamento,
transferência, permuta, mudança de cor, troca de categoria, baixa de
alienação e vistoria. Justifica o parlamentar que o novo Código de
Trânsito despertou um maior interesse em função das punições previstas para
as infrações decorrentes de não observância das regras de trânsito. Na
opinião de Vasques, em que pese a importância da fiscalização na
aplicação da lei, não se justifica a indústria de multas aplicadas.
Acrescentou que, muitos usuários, têm que se desfazer do próprio veículo para
saldar as multas.

SAMUEL PARTICIPA DE REUNIÕES COM INTEGRANTES DO PROJETO JUVENTUDE CIDADÃ

O prefeito do Crato, Samuel Araripe, esteve reunido, na manhã e tarde de ontem, com 125 jovens participantes do Projeto Juventude Cidadã, parceria do Governo federal, Governo do Estado e Prefeitura Municipal do Crato. Na oportunidade, foi promovido um debate entre os estudantes e o prefeito no sentido de esclarecer questionamentos dos jovens em relação aos projetos da administração como saneamento básico e infra-estrutura. O prefeito esclareceu de forma descontraída aos jovens como vem sendo desenvolvido o trabalho da administração e o Plano de Requalificação Urbana (PRU), da cidade. O encontro aconteceu na Unidade de Ensino Polivalente, no bairro Seminário. Estiveram presentes durante o encontro facilitadores e integrantes da supervisão estadual do projeto. O município do Crato foi parabenizado pelo avanço do projeto, iniciado no mês de abril deste ano. A Juventude Cidadã tem como finalidade a inclusão do jovem no mercado de trabalho. Ontem pela manhã, jovens estiveram visitando a Vila Padre Cícero, e a Lagoinha. Neste local, tiveram no lixão. No final do projeto, com as capacitações na área da cidadania, a meta é que sejam inseridos no mercado de trabalho 30 jovens, de 16 a 24 anos. A Juventude Cidadã tem a participação de jovens da sede e de distritos do município. As facilitadoras do projeto são Anna Philomena, Liz Maia, Ana Rosa, Ana Roberta, Rosemeire de Lima.

CRATO DESENVOLVE AÇÕES DO SELO UNICEF

Alunos do Colégio Municipal Pedro Felício Cavalcante, estão hoje, 29.04, visitando as Escolas municipais da rede pública e particular onde distribuirão jornais e panfletos elaborados por eles mesmos. Os jornais e panfletos que estão sendo entregues trazem textos que incentivam o jovem de 16 anos a tirar o seu titulo de eleitor. Os alunos chamam a atenção para a importância do voto e do jovem ter participação ativa na democracia. O trabalho realizado com os alunos do Colégio Municipal Pedro Felício Cavalcanti foi desenvolvido através de uma das atividades do projeto Selo UNICEF, no eixo de participação Política de Adolescentes e Orçamento Público.

VACINAÇÃO PARA O IDOSO CONTINUA

Continua sendo realizado, até o dia 09, em todos os postos de saúde do município do Crato a vacinação contra a gripe, direcionada aos idosos acima de 60 anos. Em áreas onde não estiver presente o Programa de Saúde da Família (PSF), a Secretaria de Saúde irá providenciar formas de que a vacine chegue até o local, após solicitação das respectivas comunidades que ainda não foram atendidas. Segundo a coordenadora da Atenção Básica da Secretaria, Aline Franca, alguns distritos e sítios do município foram prejudicados em virtude da dificuldade de tráfego nas estradas. Ela considera boa a mobilização realizada no sábado passado, dia “D” de vacinação contra a gripe.

CRATO REALIZA I FÓRUM MUNICIPAL DE TRÂNSITO

O Departamento Municipal e Trânsito do Crato realiza, a partir das 19 horas desta quarta-feira, o I Fórum Municipal de Trânsito. O tema do evento era “Violência do Trânsito e suas conseqüências”. O diretor do departamento ressalta a importância de se desenvolver um trabalho educativo, no sentido de conscientizar a população para a melhoria das condições de tráfego dos pedestres e condutores de veículos. Várias atividades e palestras são realizadas de forma contínua nas escolas, projetos, entidades voltadas ao processo educativo, inclusive com diversas parcerias desenvolvidas com instituições do município. Os facilitadores do Fórum serão: Luca Alves, Radialista, Edílson Marques, Agente de Trânsito, Dra. Lídia, coordenadora da Secretaria de Saúde e Dra. Juliana Alencar.

NOVOS FARDAMENTOS SÃO ENTREGUES

O Prefeito do Crato, Samuel Araripe, participou, na manhã de ontem, no Cine Teatro Salviano Arraes, da entrega dos novos fardamentos dos integrantes do projeto Agente Jovem, monitores e orientadores do projeto. Também esteve na solenidade, a Secretária de Ação Social, Liduína Andrade. O projeto vem sendo desenvolvido no Crato desde o início da administração, com jovens de oito comunidades. Cada turma atende a 25 jovens. Um das prioridades desta gestão tem sido dar oportunidade aos jovens de se desenvolverem para o mercado e trabalho, com ênfase a construção dos valores cidadãos, e ainda com meta a inserção no mercado de trabalho, proporcionando o primeiro emprego a grande parte desses jovens.

CAMINHADA CONTRA A DENGUE

CAMINHADA CONTRA A DENGUE

A Secretaria de Saúde do Crato, por meio do Núcleo de Mobilização Social, em parceria com o projeto Agente Jovem da Vila Alta, realizam nesta quarta-feira, caminhada educativa de combate à dengue, às 14h30. O evento acontece de frente à Escola Aldegundes Gomes de Matos. Já no dia 6 de maio, serão realizadas visitas domiciliares de combate à dengue, com os agentes de saúde do bairro Pinto Madeira, com apoio do Núcleo de Mobilização Social, às 8 horas.

EDUCAÇÃO PROGRAMA NOVA CAPACITAÇÃO PARA MERENDEIRAS

A Secretaria de Educação programou para período de 17 de maio a
14 de junho mais uma capacitação com merendeiras e diretoras das
unidades de ensino da rede municipal de Juazeiro. Segundo o coordenador da
merenda escolar, José Alfredo dos Santos, o objetivo é melhorar a
qualidade das refeições servidas aos alunos. Todo dia são servidas 55 mil
refeições para cerca de 45 mil estudantes das escolas públicas do
município. O prefeito Raimundo Macedo tem cobrado sempre a oferta de uma
merenda com qualidade e procura, nos treinamentos, levar essa mensagem às
merendeiras. A nutricionista Mônica Macedo dos Santos avisa que outra
intenção é melhorar as condições higiênico-sanitárias dos alimentos. Além
disso, o setor vai discutir detalhes relacionados com o cardápio para
2008 e as relações humanas dentro do ambiente de trabalho. A capacitação
será sempre das 8 às 12 e das 14 às 16h30min com o seguinte
calendário: Dia 17 de maio, no Centro de Educação Sanitária O Semeador. Dia 31 de
maio, na Escola Lili Nery do Bairro João Cabral. Dia 7 de junho, na
Escola Edward Férrer, nos Franciscanos e, no dia 14 de junho, na Escola
Pelúsio Correia, no Bairro Salesianos.

JUAZEIRO TERÁ RECURSOS PARA SINALIZAÇÃO TURÍSTICA

A ministra do Turismo, Marta Suplicy, assinou memorando de
entendimento para a criação da linha de crédito de US$ 1 bilhão a ser acessada
por estados e municípios, dando início ao processo para liberação de
recursos pelo programa. No ano passado, ela reservou do Orçamento para o
Ceará a quantia de R$ 5 milhões para projetos de infra-estrutura
turística de Juazeiro e mais R$ 650 mil para sinalização do município. O
prefeito Raimundo Macedo sempre que vai à Brasília tem procurado
informações sobre esses recursos a fim de poder tocar tais obras no município.
Da última vez que a ministra esteve no Ceará conferindo de perto a força
do turismo religioso, em Canindé, o prefeito manteve contato com a
mesma. Ele falou da necessidade de se investir em infra-estrutura para as
romarias citando as três maiores festas religiosas de Juazeiro. .

CEREST FARÁ EVENTO EM HOMENAGEM AO TRABALHADOR

Uma manhã de atividades na Praça Padre Cícero nesta quinta-feira,
dia consagrado ao trabalhador. E o que promete o Centro de Referência
em Saúde do Trabalhador que, com toda a sua equipe, estará no
logradouro das 8 às 12 horas. Numa parceria envolvendo diversas secretarias da
administração Raimundo Macedo, outros órgãos públicos e empresas
privadas serão prestados serviços ao trabalhador. Haverá corte de cabelo,
manicure e pedicure, aferição de pressão arterial e glicemia,
disponibilização da unidade móvel odontológica e do Hemoce. A programação do Cerest
em homenagem ao trabalhador terá ainda a expedição de carteira de
trabalho, distribuição de brindes, palestras e várias outras atividades e
serviços grátis.

domingo, 27 de abril de 2008

Prefeituras vão criar memorial de frei Damião

Um projeto turístico religioso em torno da memória de frei Damião de Bozzano. O planejamento está sendo feito pela Prefeitura de Araripe que contará com o apoio da Prefeitura de Potengi. As duas cidades ficam na região do Cariri e por elas o religioso, morto em maio de 1997, passava constantemente durante as suas missões no Nordeste. A exemplo do que existe em Guarabira (PB), a idéia é criar um memorial de frei Damião com pesquisas, estudos e objetos que ele utilizou quando esteve no Cariri.

"Frei Damião conviveu com as pessoas pobres. Ele é muito querido e desperta a devoção do povo", diz o prefeito Humberto Menezes, de Araripe. Na cidade existe, no morro da Cruz do Monte, uma estátua em homenagem ao frade capuchinho e uma casa de ex-votos, onde as pessoas que vão pagar promessas deixam objetos que lembram seus pedidos atendidos como peças de roupas, braços, pernas, cabeças feitas de gesso ou esculpidas em madeira.

O padre Raimundo Araújo, pároco da matriz de Santo Antônio, em Araripe, reserva o quarto onde frei Damião ficava nas suas andanças pela região. Ali são guardados alguns objetos pessoais, vestimentas sacerdotais e o que ele utilizava para as celebrações. "A romaria no dia 5 de novembro é muito grande. Vem gente de vários estados do País. É feriado na cidade", informa o padre.

A prefeitura já tem um projeto de urbanização do morro da Cruz do Monte que inclui uma praça, restaurante, calçamento e toda a infra-estrutura para receber os devotos. O projeto terá recursos federais através do Ministério da Cultura. A família de frei Damião, que vive na Itália, foi comunicada sobre o memorial e se comprometeu, segundo o prefeito, a enviar um acervo sobre a vida do frade capuchinho. (Colaborou Amaury Alencar).


SAIBA MAIS

Em dezembro de 2004, foi inaugurado o Santuário de frei Damião, em Guarabira (PB), a 98 quilômetros de João Pessoa. Trata-se de um projeto arquitetônico com um museu e uma estátua, em homenagem ao frade capuchinho. O santuário, projetado pelo arquiteto Alexandre Azedo, foi arquitetado pela Diocese de Guarabira. Tornou-se um santuário através de um decreto emitido pelo então administrador apostólico dom Jaime Vieira em 2007.

Ali, a principal atração é a estátua do frei Damião que tem cerca de 34 metros de altura e pode ser vista de qualquer ponto da cidade. Do alto da Serra da Jurema, é possível ver toda a cidade, e algumas cidades próximas situadas num raio de 50 quilômetros.

Além do museu, montado com a consultoria da Fundação Joaquim Nabuco, existem a casa de ex-votos, praça de celebração, capela e Via Sacra. Os dois acessos ao Santuário são pavimentados e iluminados. Ao longo do percurso, é possível ver todas as estações da Via Crucis, fruto do trabalho de artesões locais, além do Cruzeiro, que foi erguido bem antes do Memorial, na década de 60.

Frei Damião de Bozzano, batizado Pio Giannotti, foi um frade italiano radicado no Brasil. Nasceu em Bozzano, na Itália, em 5 de novembro de 1898 e morreu em Recife no dia 31 de maio de 1997. O frade capuchinho, ordenado sacerdote em 5 de agosto de 1931, veio para o Brasil no início da década de 1930, sendo venerado por fiéis, principalmente nordestinos.

Acompanhado por multidões por onde passava, nunca abandonou suas caminhadas e romarias pelas localidades. Ele levava sempre um terço e um crucifixo. Ele sempre fazia as peregrinações com o seu devotado amigo frei Fernando. Só parou poucos meses antes de morrer, devido ao agravamento de seu problema na coluna vertebral, fruto da má postura de toda a vida. Seu corpo está sepultado no Convento de São Felix, da Ordem dos Capuchinhos, em Recife (PE).
Jornal O Povo

Cerco se fecha a políticos com nome sujo

O jogo tem ficado um pouco mais duro para políticos corruptos, com contas a prestar à Justiça ou àqueles com dificuldade de manter em ordem as contas públicas. O cerco começou com o novo entendimento dado à Súmula número 1 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A súmula garantia o registro eleitoral a políticos que tinham contas rejeitadas por tribunais de contas, bastando que apresentassem um comprovante que estavam contestando judicialmente a decisão administrativa.

Em decisão tomada em processo julgado em agosto de 2006, no qual o ministro César Asfor Rocha foi relator, o TSE reviu essa decisão, estabelecendo que o candidato teria de obter a suspensão da decisão administrativa do tribunal de contas na Justiça comum ou na Justiça Eleitoral para garantir o direito ao registro da candidatura.

O ministro César Asfor escreveu em seu voto que "a ressalva da Súmula 1 há de ser aplicada com temperamento, e não pode abrigar o uso de manobra dessa natureza (um candidato fez a contestação judicial um dia antes do fim do prazo legal para garantir o registro), para permitir que novamente concorra a cargo eletivo alguém com maus antecedentes na gestão da coisa pública", tese que foi acolhida.

Compromisso
No Ceará, a desembargadora Huguette Braquehais, presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE), arrancou da maioria dos partidos políticos termo de compromisso com o objetivo de fechar outra porta aos políticos suspeitos de práticas irregulares. No início deste mês, ela conseguiu que a maioria dos partidos assinassem termo de compromisso com a probidade administrativa. O acordo sugere que os partidos neguem legenda para candidatos cuja conduta "decorrente de fatos públicos e notórios de objetiva reprovabilidade seja incompatível com as inarredáveis probidade administrativa e moralidade para o exercício de qualquer mandato político".

Por meio de sua assessoria a desembargadora avalia que o termo "trará resultados", mas que não é ingênua a ponto de acreditar "que tudo vai ser passado a limpo agora". Segundo ela, esse é um trabalho de "educação política" e que os partidos podem dar "uma grande contribuição" para melhorar a qualidade das administrações públicas e parlamentos se recusarem a dar legenda a candidatos com problemas na Justiça ou que tenham cometido irregularidades.

Segundo a procuradora regional eleitoral, Nilce Cunha, o termo de compromisso tem valor "simbólico forte", pois vê a necessidade de se olhar com mais critério a "vida pregressa dos candidatos". Para ela, o compromisso lembra aos partidos que eles têm "responsabilidade social".
Jornal O Povo

Lançada cartilha com orientações aos eleitores

Clientelismo, corrupção e infidelidade partidária são alguns vícios da política para os quais o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) chama atenção em cartilha para o eleitor lançada na última quinta-feira. Com mensagens curtas de alerta, o Guia do Eleitor Cidadão recomenda o repúdio à venda de votos e atenção com os candidatos envolvidos em denúncias.

O manual sugere cuidado na escolha dos vereadores e lembra que, entre outras atribuições, eles devem fiscalizar os prefeitos e até instalar CPIs nas Câmaras Municipais nos casos de crimes e desmandos cometidos pelos governos. Também informa que os políticos eleitos que trocam de partido estão sujeitos à perda do mandato. E dá informações básicas sobre orçamento e atribuições das prefeituras.

O guia lembra ao eleitor que ele é responsável pela escolha do prefeito e, conseqüentemente, pelo sucesso ou fracasso dos quatro anos seguintes de administração pública municipal. A cartilha procura estimular o eleitor a comparecer às urnas no dia da eleição, 5 de outubro.

No lançamento da cartilha, de 54 páginas, o presidente do TSE, Marco Aurélio Melo, que deixa o cargo em maio, disse que a sociedade "não é vítima, mas autora, responsável pelos dirigentes que temos e pelos políticos em geral". O ministro disse que o eleitor deve ter noção da importância do voto. "O eleitor, por vezes, comparece no dia das eleições contrariado, percebendo como uma chatice ter que digitar um número na urna para escolher seu representante", comentou.

Impresso na gráfica do Senado, que participou do projeto, o guia do eleitor, com linguagem simples e ilustrações, em forma de pergunta e resposta, traz ainda informações sobre cadastramento, propaganda política e calendário eleitoral. Duzentos mil exemplares serão distribuídos aos cartórios eleitorais, onde poderão ser consultados pelos eleitores. (das agências)

Procuradoria vai pedir impugnação

Atualmente, o entendimento majoritário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é que um candidato acusado de algum crime (civil ou penal) somente poderá ter seu registro negado com o trânsito em julgado da sentença (quando não cabe mais recurso). Essa decisão foi tomada com a diferença de apenas um voto no julgamento da impugnação do registro de Eurico Miranda (presidente do Vasco da Gama), candidato a deputado federal.

Em 2006, quando a impugnação de sua candidatura foi julgada no TSE, depois de ter sido rejeitada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), Eurico respondia a nove processos, oito penais e um por improbidade administrativa, entre os quais falsificação de documentos, crime contra o sistema financeiro e lesão corporal. No julgamento do TSE, por 4 x 3, sua inscrição foi aceita.

Para Nilce Cunha, a diferença de apenas um voto mostra que "as coisas estão mudando". Ela avisa que, nestas eleições, o Ministério Público vai requerer a impugnação de candidatos que não tenham bons antecedentes. Ela diz que os procuradores vão para a linha de frente: "A última palavra é da Justiça, mas nós vamos combater (para evitar o registro)".

Em relação ao assunto, a presidente do TRE-CE, Huguette Braquehais, diz que cada juiz eleitoral vota "de acordo com sua consciência", mas está pedindo que analisem cada processo "cuidadosamente". Ela tem "posicionamento" sobre o assunto, mas não pode divulgá-lo, pois o TRE poderá ser acionado em grau de recurso e opinar agora seria antecipar o voto que ela terá de dar em algum processo.

Composição
Levantamento do jornal Folha de S. Paulo mostra que, na composição atual do TSE, prevalece o entendimento de que candidatos respondendo a processos podem se inscrever, enquanto não houver trânsito em julgado da sentença. Segundo a contagem do jornal, defendem o indeferimento do registro de candidatos dois ministros: Carlos Ayres Brito (que vai assumir a presidência do TSE) e Joaquim Barbosa. A favor do deferimento, enquanto não houver trânsito em julgado de sentença, estão cinco ministros: Marco Aurélio Mello, Marcelo Ribeiro, Caputo Bastos, Ari Pargendler e Felix Fisher. (Plínio Bortolotti)
Jornal O Povo

36% das cidades com irregularidades em 2004

As chamadas CPIs do Desmonte são recorrentes. Houve uma em 1997, outra 2000 e, de novo, em 2004. Não será surpresa se no próximo ano algum parlamentar aparecer com proposta para mais uma. A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Desmonte leva esse nome devido ao estado de terra arrasada que alguns prefeitos deixam o município depois de sua passagem. Vários deles poderiam se vangloriar, como Átila, o "flagelo de Deus", que gostava de dizer que a grama não voltava a crescer onde pisava o seu cavalo.

Das denúncias apresentadas à Assembléia Legislativa, a CPI do Desmonte de 2004, concluída em 2006, encontrou irregularidades em 34 prefeituras, no período investigado (2001-2004). A de Reriutaba serve como paradigma negativo do desrespeito de administradores com o interesse público. O prefeito da época, Carlos Roberto Aguiar, passeou por vários artigos dos códigos Civil e Penal, tendo a CPI chegado à conclusão que Reriutaba, "sem qualquer dúvida", foi um dos casos "mais graves" apresentados à comissão. Derrotado nas eleições (2004), o prefeito deixou de pagar o salário dos funcionários públicos em outubro e as aulas foram suspensas em novembro. Deixou débitos com a Coelce e Cagece de mais de R$ 600 mil, bens do município foram roubados ou sumiram, carteiras de trabalho foram "esquentadas" e assinaturas foram falsificadas em atas do Conselho Municipal de Alimentação.

Na cidade de Fortaleza, na gestão de Juraci Magalhães, a CPI identificou, nos dois últimos quadrimestres de 2004, a realização de despesas "sem lastro financeiro", ficando um débito de "restos a pagar" para a administração seguinte no valor de R$ 189,751 milhões e, ainda, a "retenção" de recursos arrecadados dos servidores municipais (sem que o repasse fosse feito ao Instituto de Previdência do Município), referente aos meses de outubro a dezembro de 2004. O descaso configurou-se "ato de improbidade administrativa", segundo a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Irregularidades
A esses malfeitos, cumulativamente ou não, se pode acrescentar mais, de outros municípios: restos a pagar superiores à disponibilidade deixada em caixa (o que configura desrespeito à Lei de Responsabilidade Fiscal), desativação do Programa de Saúde da Família (PSF), desvio de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (Fundef), favorecimento em licitação, emissão de cheques sem fundos e sucateamento de bens e veículos.

Houve até o caso do então prefeito de Senador Pompeu, Antônio Clidenor Genuíno de Medeiros, que, inconformado com a vitória da oposição, entregou o prédio alugado onde funcionava a Prefeitura na véspera de deixar o cargo. A CPI anota que bens e documentos do município "foram jogados" em salas do Centro Social Urbano (CSU), para "fazer com que a administração eleita tomasse posse sem que houvesse a mínima infra-estrutura física para trabalhar".

Quando recebeu o relatório, o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) passou a tomar as providências, ampliando as investigações para outras cidades, totalizando 66 processos. Considerando que o Ceará tem 184 municípios, foram verificadas irregularidades administrativas ou problemas mais graves em 36% deles.

Mas o que acontece com os prefeitos que são denunciados? Qual o resultado prático da investigação da Assembléia Legislativa. O papel da CPI se encerra depois de concluído o relatório, que é encaminhado aos órgãos competentes para as providências legais. No caso, os dois mais importantes são o Ministério Público Estadual (MPE) e o TCM. (Plínio Bortolotti)


EMAIS

- O exemplo de Reriutaba, Paraipaba e Choró - ao lado do relatório completo apresentado pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) - demonstra a gravidade de uma situação que se repete a cada eleição no Ceará, mas também revela a demora e as dificuldades para se chegar à conclusão dos processos na Justiça.

- Um levantamento completo das providências tomadas pelo Ministério Público Estadual poderia oferecer mais detalhes dos prejuízos irreparáveis causados por administradores relapsos e corruptos, que se aproveitam da lentidão e das brechas da lei para perpetuar os seus malfeitos, alguns de forma reiterada.

- Como os tribunais eleitorais têm dificuldade em barrar a inscrição de candidatos que têm contas a prestar à Justiça, muitas vezes eles voltam a ser eleitos, tornando a praticar as mesmas irregularidades.
Jornal O Povo

Processos contra ex-prefeitos em tramitação

Na impossibilidade de o Ministério Público Estadual (MPE) consolidar um quadro completo das providências tomadas em relação a todos os gestores municipais denunciados na CPI do Desmonte de 2004, O POVO pediu que se fizesse o levantamento em relação a cinco cidades: Choró, Crateús, Fortaleza, Paraipaba e Reriutaba. Até a última sexta-feira, o MPE informou como se encontram os processos relativos a três cidades, faltando Fortaleza e Crateús.

Em Reriutaba, foram abertos dois processos por improbidade administrativa contra o ex-prefeito Carlos Roberto Aguiar, que tramitam no fórum da comarca. No caso de José Gutemberg Meireles de Souza, ex-prefeito de Paraipaba, foi concluído o inquérito policial e o Ministério Público fez a denúncia à Justiça, no dia 31 de agosto de 2006. Segundo o MPE, "até a presente data não houve movimentação".

Em Choró foi aberta uma ação civil pública de improbidade administrativa contra o ex-gestor Públio Jorge Matias Dinelly, que está tramitando "em fase de instrução". Contra Públio, também foram abertas duas ações penais, com base nos artigo 312 (peculato) e 322 (praticar violência no exercício de função), "em fase preliminar (interrogatórios)". (PB)
Jornal O Povo

quinta-feira, 24 de abril de 2008

PR ORIENTA DIRETÓRIOS PARA AS ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Por: Beto Almeida

O Partido da República no Ceará está orientando seus diretórios municipais a não conceder legenda a candidatos cuja conduta seja incompatível com o exercício de qualquer mandato político. Ofício circular com essa recomendação foi enviado aos presidentes dos diretórios. A intenção do PR é evitar que se candidatem pessoas que já tenham praticado atos de improbidade administrativa ou incorreções no exercício de cargo ou função pública.
Segundo o presidente regional da sigla, Lúcio Alcântara, o PR atende, com essa medida, ao compromisso assumido com o Tribunal Regional Eleitoral. “Subscrevemos documento sugerido pela presidente do TRE, desembargadora Huguette Braquehais, e vamos trabalhar em conjunto para que a probidade administrativa e a moralidade sejam a tônica nestas eleições”, disse Lúcio Alcântara. A orientação do Tribunal também conta com o apoio da Seccional da OAB do Ceará, Corregedoria Regional Eleitoral e do Ministério Público Eleitoral.
A decisão da cúpula do PR já se adequa à uma das mudanças mais severas na legislação eleitoral, prevista para entrar em vigor nas eleições de outubro deste ano. Trata-se da medida que rejeita o registro de candidatura de todo agente público que tiver tido contas reprovadas por improbidade administrativa. Nessa circunstância, para garantir a candidatura, será preciso uma liminar ou tutela antecipada na Justiça, ao contrário do que ocorre hoje, quando o candidato entra apenas com um recurso judicial para suspender todas as ações e garantir o registro

Publicado no site: www.cearaagora.com

PT DO CRATO RACHA NA DECISÃO DE NÃO TER CANDIDATO PRÓPRIO

Por Tarso Araújo, do Jornal do Cariri

A decisão do diretório municipal do PT no Crato em não lançar candidatura própria à sucessão do prefeito Samuel Araripe rachou o partido. Em pré-convenção realizada no último domingo, a plenária decidiu apoiar o candidato do Partido Verde, o vereador licenciado André Barreto Esmeraldo, atual Presidente do Conselho de Políticas e Gestão do Meio Ambiente do Governo do Estado.

Segundo o ex-vereador e pré-candidato do PT à Prefeitura do Crato, Valdetário Brito, “o encontro foi tenso e recheado de acusações infundadas”. Ele afirma que o grupo liderado por Amadeu de Freitas, ex-vereador em Crato e atual superintendente do Incra no Ceará, articulou um encontro em que pudesse manobrar e tomar decisões precipitadas.

Para Brito, a decisão de não ter candidato próprio desarma o PT para a disputa no processo. Para ele, retirar a candidatura e não amarrar qualquer projeto político do partido é atirar no escuro. Ainda segundo o dirigente petista preterido no embate em torno da candidatura própria, a decisão foi tomada a partir de interesses pessoais. Valdetário Brito acredita que está em curso um processo de promessas de cargos para Amadeu de Freitas caso André Barreto vença as eleições. “Houve alijamento da minoria do partido e a base está sendo enganada”, diz.
A proposta derrotada, apresentada pelo Campo Majoritário, era que os partidos que compõem a base aliada aos Governos Cid e Lula, no caso PT, PC do B, PV, PSB e PMDB se unissem para eleger os nomes através de uma pesquisa. Valdetário defende a tese de que, assim, o PT poderia sair na cabeça de chapa, uma vez que seu nome teria a menor rejeição entre os candidatos desse bloco.
O ex-prefeito Walter Peixoto (PMDB) e o deputado estadual Sineval Roque(PSB) liderariam a rejeição no campo das oposições, portanto, sobrariam apenas dois nomes para sair pela base de apoio a Cid: André Barreto e Valdetário Brito.
O dirigente petista diz que, ao aprovar apoio a André Barreto, foram sepultadas todas as possibilidades do PT influenciar nas eleições municipais do Crato. O grupo de Valdetário Brito ameaça não apoiar a candidatura de André: “Não subiremos no palanque com O PV” afirmou Roberto Oliveira, vice-presidente do PT no Crato e membro do Campo Majoritário, que vai pedir ao diretório estadual anulação do encontro.
O líder comunitário James Brito, membro da executiva municipal do PT , questionou as opiniões de Valdetário. “A tese de Valdetário era dúbia, pois se vai haver uma pesquisa, se ele perder, teria o PT que apoiar quem sabe até mesmo Sineval Roque ou Walter Peixoto” afirmou, para acrescentar que “se a tese fosse de candidatura própria era só defender a candidatura e uma articulação para trazer outros partidos” finalizou.

James Brito confirmou que André Barreto em conversa com dirigentes do PT teria ressaltado que não abre mão e será candidato a prefeito do Crato nas próximas eleições.


O Jornal do Cariri procurou ouvir Amadeu de Freitas sobre as declarações de Valdetário Brito de que ele teria manobrado a pré-convenção do PT e aprovar a tese da não-candidatura própria, mas não houve retorno às ligações feitas.

publicado no site: Ceará Agora

Sineval Roque tem pendências com o TCM

O deputado estadual Sineval Roque está entre os 16 deputados estaduais cearenses em atividade que estão com pendências judiciais. A matéria foi publicada na edição de segunda-feira do Jornal Diário do Nordeste. De acordo com o texto Sineval Roque foi multado quando prefeito de Antonina do Norte por omissão na prestação de contas de gastos com royalties repassados pela Petrobrás.

Ainda quando prefeito de Antonina Roque foi multado 4 vezes pelo Tribunal de Contas dos Municípios – TCM do Ceará por contratação irregular de funcionários.É que em Antonina Sineval Roque dava emprego para seus correligionários sem concurso público.

A contratação de pessoas para o serviço público sem concurso só é possível quando é um cargo comissionado, já existente na estrutura do Governo ou nos casos extraordinários, que tem que ter permissão e aprovação de lei ou projeto de lei pela Câmara Municipal.

Essas multas e pendências não tiram Sineval Roque da disputa eleitoral deste ano, mas deixam o eleitor extremamente desconfiado de um político que já foi prefeito de uma cidade bem menor que o Crato e sem tantos problemas e tem processos no TCM.

quarta-feira, 23 de abril de 2008

DEFESA ALERTA PARA CHUVA FORTE NO CEARÁ

Por: Luciano Augusto


A Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, enviou alerta de chuva forte à defesa civil do Ceará, e mais 13 estados.

Segundo o alerta, áreas de instabilidade formam nuvens carregadas que provocarão pancadas de chuva no norte, nordeste e leste de São Paulo; Mato Grosso; Rio de Janeiro; Goiás; e sul e centro de Minas Gerais, além do Triângulo Mineiro. A Defesa Civil alerta que, em alguns momentos, a chuva pode ser de forte intensidade e acompanhada de raios, principalmente no centro, nordeste e leste do Mato Grosso e no centro-sul do Rio de Janeiro.

No mesmo período, áreas de instabilidade associadas à Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) voltam a provocar pancadas de chuva no Amapá, Amazonas, Roraima, Piauí, Ceará, Maranhão e Pará. A defesa alerta que a chuva na região poderá ser de forte intensidade e acompanhada de descargas elétricas, especialmente no sul e leste do Amapá; no centro-norte do Amazonas; no sul e leste de Roraima; e nas regiões do no centro-norte dos Estados do Piauí, Ceará, Maranhão e Pará.

A Defesa Civil orienta a população para evitar áreas de alagamentos e enchentes, deslizamento de encostas, morros e barreiras. Além disso, evitar lugares que ofereçam pouca ou nenhuma proteção contra raios.

fonte: site Ceará Agora

HEITOR ESTUDA PEDIDO DE "CPI DA SOGRA"

A viagem que o governador Cid Gomes (PSB) fez à Europa em fevereiro ganha hoje mais uma "escala": o caso vai parar no Ministério Público. O deputado estadual Heitor Férrer (PDT) entrará com uma representação hoje pela manhã na Procuradoria Geral de Justiça pedindo o ressarcimento de R$ 166.541,13 aos cofres públicos, o restante das informações que, segundo ele, não foram fornecidas pelo Palácio Iracema e uma investigação para saber se houve crime de improbidade administrativa. O pedetista estuda, ainda, a possibilidade de entrar com pedido de abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar o caso.

Heitor pede que Cid restitua aos cofres estaduais R$ 55.513,71 por passageiro que estava no jato fretado pelo governo e que não faz parte da administração estadual. É o caso de três deles: a sogra do governador, Pauline Carol Habib Moura, e de Gláucia Barbosa Pinheiro Maia e Samara Dias Rocha Trajano - esposas, respectivamente, do secretário do Turismo, Bismarck Maia, e do assessor, Valdir Fernandes, que estavam no jatinho. A primeira-dama Maria Célia Habib é outra integrante da comitiva que foi a Europa.

Além disso, tanto Heitor quanto o deputado estadual Adahil Barreto (PR) também pediram informações sobre detalhes de viagens internacionais feitas anteriormente. Heitor pede, ainda, os relatórios dos acordos fechados na viagem.

O pedetista tentará instalar uma CPI na Casa. Precisará recolher 12 assinaturas. É provável que não consiga a quantidade suficiente porque apenas ele e Adahil fazem oposição à administração estadual na Assembléia. "A negação de informações me leva a isso. Se o governo encaminhá-las não tem problema. Não quero criar factóides", disse o pedetista.

Fundamento
O líder do governo, Nelson Martins (PT), diz que Heitor não tem nenhum fundamento legal para instalar uma CPI. "Até agora ele não provou nenhuma irregularidade", declarou Nelson. Ele reafirmou que a presença da sogra e das esposas no avião fretado pelo Governo do Estado não gerou prejuízos aos cofres públicos porque elas pagaram as próprias despesas.

O petista reafirmou que "todas as informações solicitadas foram dadas ao deputado Heitor". A administração está esperando a manifestação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), onde Heitor entrou com uma denúncia na última quinta-feira, 17, para se defender.

"Eu volto a dizer é que está havendo claramente uma espetacularização em relação a essa questão. Muito sensacionalismo, muita demagogia. A própria postura do deputado Heitor está sendo uma postura de jogar para a platéia, para aparecer", disparou Nelson contra Heitor.


FALE COM A GENTE:
danielsampaio@opovo.com.br
Leia mais sobre esse assunto
• 22/04/2008 00:04:29 - Líder explica viagem de secretário em avião de carreira, quando havia vôo fretado
Fonte: Jornal O Povo

SETOR HABITACIONAL FORTALECIDO EM MAURITI

O prefeito municipal de Mauriti, Izac Gomes, entrega mais 107 casas aos moradores do bairro Bela Vista, no município, por meio do Projeto de Subsídio Habitacional de Interesse Social, uma parceria da administração e Caixa Econômica Federal (CEF). Foram investidos até o momento pela Prefeitura para entrega dos imóveis cerca de R$ 250 mil. Em cada casa houve investimento de R$ 4.500 e ao todo foram entregues 203 residências, dotadas de infra-estrutura, ruas calçadas, água e esgoto canalizados. São 40 metros quadrados em cada edificação. O prefeito dispôs de recursos municipais para finalização das casas por conta das más condições de moradia de grande parte dos beneficiados, situação dificultada com as fortes chuvas que têm caído no município. Tanto que alguns dos novos moradores estavam desabrigados. Ele espera que a Caixa esteja sensível a essa situação e possa repassar o mais breve possível a contrapartida firmada pela Caixa para o município.

MINISTRADA AULA INAUGURAL DO PROJETO JUVENTUDE CIDADÃ

Os 250 jovens inscritos no Projeto Juventude Cidadã assistiram, na
manhã desta terça-feira, a aula inaugural ministrada pela Secretária
de Assistência Social de Juazeiro, Maria Lôureto de Lima. O prefeito
Raimundo Macedo abriu a solenidade ao lado da superintendente do
Ministério do Trabalho e Emprego, Eunice Ulisséia Peixoto Maia, diante de um
Memorial lotado. A iniciativa é fruto de parceria entre o município,
Estado e União para garantir a qualificação de jovens de baixa renda e
inseri-los no mercado de trabalho após a capacitação profissional. Eles
participam de cursos de ética e cidadania, informática e artesanato e
recebem uma bolsa de R$ 90,00 por mês. Durante a solenidade foi exibido o
filme “Juventude Cidadã – Tempos Modernos – O INÍCIO, além de
apresentações artísticas.

OBRAS DO CEO TERÃO CONTINUIDADE

O prefeito do Crato Samuel Araripe participa nesta quarta-feira de uma reunião na Secretaria de Saúde do Estado, com o subsecretário Marcelo Sobreira. Na oportunidade irá discutir o projeto de retomada das obras de construção do Centro de Especialidades Odontológicas - CEO, que teve suas obras paralisadas. O CEO terá sua construção concluída através de uma parceria da Prefeitura e Governo do Estado. Ao todo o CEO está composto por 11 gabinetes odontológicos que funcionarão com atendimento para toda a comunidade de forma gratuita. Na sexta-feira próxima acontecerá uma reunião do subsecretário com o prefeito Samuel Araripe em crato, além de uma visita às obras do CEO.

CEFETCE VAI LANÇAR REVISTA CONEXÕES

O Centro Federal de Educação Tecnológica do Ceará lança, na próxima segunda-
feira (31), a Revista Conexões: Ciência e Tecnologia. O coquetel de
lançamento do primeiro volume da revista ocorrerá às 18h30min, no
miniauditório da sede do CEFETCE. Na ocasião, será realizada, também, a aula
inaugural do Mestrado Acadêmico em Tecnologia e Gestão Ambiental, com
palestra do professor Tarcísio Pequeno, presidente da Fundação Cearense de
Apoio à Pesquisa (Funcap). Além da inauguração dos laboratórios de Tecnologia
Ambiental, Integrado de Águas Mananciais e Residuárias, de Processos e
Análises Químicas e da Central Analítica do Laboratório de Tecnologia Química.

A Revista Conexões: Ciência e Tecnologia é um periódico de divulgação
científica e tecnológica da Entidade Educacional. Como define o Diretor
Geral, Cláudio Ricardo Gomes de Lima, no editorial, um “veículo de sobeja
importância para fundamentar as ações de Ensino, Pesquisa e Extensão da
Instituição”, que pretende ser, no âmbito local, regional e nacional,
elemento de integração, de intercâmbio com outras instituições de ensino e
pesquisa e de difusão do saber científico.

Neste primeiro volume, a Revista Conexões: Ciência e Tecnologia traz 13
artigos. Entre eles: “Projeto e controle de um robô móvel”, cujos objetivos
são navegar em ambientes desconhecidos com o uso de sensores e conceber um
sistema eletrônico de controle digital utilizando o dispositivo
DSP; “Adsorção de fenol e nitrofenóis em solução aquosa usando bagaço de coco
como adsorvente”; “Reestruturação territorial do Ceará na modernidade atual:
o Governo das mudanças (1986-200)” e “SAFE – Sistema antifurto para
equipamentos eletrônicos utilizando sensor de vibração e sensor de
proximidade”.

Serviço:
Lançamento da Revista Conexões – Ciência e Tecnologia
Local: Miniauditório do CEFETCE (Av. Treze de Maio, 2081, Benfica)
Data: 31 de março de 2008 (segunda-feira)
Horário: 18h30min


Assessoria de Comunicação do Cefet CE
(85) 3307.3626/3692
Jornalista responsável: Márlen Danúsia (RP CE 00843 JP)
Atendimento à Imprensa: Emanuela França
Estagiários: Gustavo Nunes
Secretário: Márdson Mendes
Tratamento de Imagens:Adriano Braga

Automação e Meio Ambiente em debate na UnED de Juazeiro do Norte

A Unidade de Ensino Descentralizada (UnED) de Juazeiro do Norte realiza, de
23 a 26 de abril, a III Feira de Tecnologia e Automação, com o
tema “Automação e Meio Ambiente”. A abertura ocorrerá às 18h30min do dia 23,
no auditório da Entidade Educacional, seguida de duas palestras: “Automação,
Garantia de Desenvolvimento”, por Rommel de Melo, e “Profissões e Meio
Ambiente”, por José Eduardo Correia. Nos outros três dias do evento, a
programação inclui uma série de minicursos, como Autocad, Redes industriais,
Linux, Controladores e Utilização de Energia Solar.

SERVIÇO:
III Feira de Tecnologia e Automação
De 23 a 26 de abril de 2008
Local: UnED de Juazeiro do Norte
Mais informações: (88) 2101.5300 ou pelo site www.cariri.cefetce.br

AS "ARMAS QUÍMICAS E BIOLÓGICAS" NO BRASIL

Por Laerte Braga
20 de abril de 2008

É no mínimo instigante que o general Augusto Heleno Ribeiro Pereira, comandante militar da Amazônia (comando subordinado a Washington) tenha chamado para alertar os brasileiros sobre riscos para a soberania nacional e a integridade do território brasileiro exatamente militares e empresários ligados a grupos estrangeiros, no caso os integrantes do reino FIESP/DASLU, falo da demarcação de terras indígenas.

Como é curioso que o general não tenha dito uma única palavra a respeito do desmembramento de parte do território brasileiro entregue à VALE, esse sim, caso flagrante de atentado contra a soberania e a integridade nacionais.

Paulo Henrique Amorim alerta para o noticiário da mídia sobre a extradição de Salvatore Cacciolla, banqueiro (por si só é sinônimo de bandido), mas ao invés de destacar o feito da diplomacia brasileira, alega que o ministro Tarso Genro que foi cuidar do caso em Mônaco, não tenha conseguido trazer o criminoso, em missão "fracassada" .

Abrem espaços para a defesa de Cacciolla.

Há sinais de pânico no mundo tucano, nos ex-ministros do governo FHC e no próprio, com receio que Cacciolla, caso venha a ser de fato extraditado, conte tudo se não tiver cobertura e outro hábeas corpus concedido pelo ministro Marco Aurélio Mello, seu vizinho e amigo, ensejando outra fuga.

Cacciolla sabe tudo da tal operação que salvou bancos da falência com dinheiro público e enriqueceu os filhos do "pobre" ministro Mendonça de Barros, aquele que levou uma grana da telefônica da Espanha e foi posto para correr pelo ministro Malan, principal funcionário dos EUA no governo de FHC. Mendonça de Barros contrariava interesses dos grupos que Malan representava. Briga de quadrilhas.

A nota de militares protestando contra a demarcação de terras indígenas deveria ser complementada com os arquivos da ditadura militar. Dos seqüestros, assassinatos, torturas, da participação na Operação Condor (que matou líderes da América Latina contrários aos EUA). Das barbáries cometidas no caso da guerrilha do Araguaia.

Da corrupção nas figuras de Roberto Campos, Delfim Neto e outros, que de fato comandavam a ditadura (militares eram os policiais dos donos do Brasil e parecem querer continuarem a sê-los).

Nem uma palavra sobre as reais intenções da fala do general Heleno. Reforçar posições dos EUA para golpes contra o governo Chávez na Venezuela. A integridade e a soberania nacionais são planejadas em Washington.

Falar de soberania nacional e integridade do território brasileiro para o pessoal da FIESP/DASLU? Ou o general estava com malária, ou então acha que debaixo da cama de Lula existem armas químicas e biológicas prontas a destruir o mundo.

O processo político marcha para transformar a América do Sul num grande Oriente Médio em função de interesses dos EUA e o Brasil é chave nessa conversa toda, ainda mais montado em bilhões de barris de petróleo.

O general Heleno, isso na melhor das hipóteses, tem vaga assegurada no CASSETA E PLANETA (o programa de humor mais chato do mundo) quando passar para a reserva, isso se não for ocupar o lugar de Arnaldo Jabor, projeto fracassado de Paulo Francis (Francis era inteligente, educado e culto). Reforçar as tropas do "general" William Bonner.

É a reação ao projeto de integrar os países da América do Sul e sair do jugo de Washington. Não agrada nem um pouco a boa parte dos militares que cumprem o papel de polícia dos EUA em nossos países.

Defender riquezas nacionais para empresários paulistas e da FIESP/DASLU? O general acha que todo mundo é trouxa e vai cair nessa história de armas químicas e biológicas.

A nota de "solidariedade" ao general veio da Transilvânia, diretamente da Operação Condor, dos dráculas que vagam sem saber o que fazer "há soldados armados e amados, todos eles perdidos de armas às mãos, nos quartéis lhes ensinam a antiga lição de morrer pela pátria e viver sem razão", em depressão profunda com as teias de aranha nas câmaras de torturas e assassinatos.

WORKSHOPS VÃO MOVIMENTAR CCBNB

O Fórum de Debates “Música: Cultura em Movimento”, moderado por Marinilda Bertolete Boulay, com convidados locais, abordará temas como o desenvolvimento de novas tecnologias na área musical, o acesso do artista ao mercado, a formação do músico, a existência de centros de documentação do patrimônio musical brasileiro, entre outros.

O fio condutor do fórum analisará a música segundo seus aspectos essenciais enquanto cultura em movimento:

Políticas públicas num palco em movimento. A revalorização do palco na nova era digital, impõe a questão de como produtores e governo podem unir forças para a regulamentação do novo panorama e fomento à classe. Quais as ações governamentais concretas neste âmbito?

Identidade e diversidade em movimento. A diversidade cultural global exposta pelas novas mídias e a convergência tecnológica ampliam nossos paradigmas sonoros e proporcionam um novo entendimento da musicalidade desta era digital. Como a política cultural poderá colaborar para o desenvolvimento de novos meios de distribuição da música. Quais as alternativas propostas pelo governo atual para a difusão da música e da cultura? Como colaborar a nível educacional com o empoderamento e protagonismo de cada artista, permitindo que a criação artística ocorra em ambiente favorável, sem, contudo, perder de vista o mercado?

Direitos Autorais e tecnologia de informação em Movimento. Qual o papel dos direitos autorais em um mundo sem fronteiras e com novas tecnologias? Na era do remix, do Creative Commons e do Mymusic como desenvolver a arrecadação nos novos veículos de distribuição da música?

Distribuição em Movimento. Como a política pública e as associações profissionais poderão colaborar para a produção artística e estimular a utilização das novas tecnologias aplicadas à indústria da música nas diferentes etapas de sua cadeia de produção?

Espaços virtuais e perenidade das Feiras de música em movimento. As feiras e salões profissionais ainda representam um importante veículo de circulação e promoção da música através do mundo, apesar do aumento incondicional de espaços virtuais para a exposição e trocas de obras e produtos culturais. Qual a força das feiras profissionais no Brasil a nível nacional, estadual e municipal?

Novas criações novas mídias em movimento. A Mídia como elo decisivo entre o artista, o público e o mercado. Como a mídia pode interferir neste novo processo de produção de música e como o artista pode se utilizar de novas mídias para divulgar e distribuir seus trabalhos?

O conteúdo gerado por esses debates e as imagens captadas nas cinco regiões brasileiras será compilado no livro Música: Cultura em Movimento.

Organizadora

Marinilda Bertolete Boulay
DEA em Estudos Brasileiros pela Université de la Sorbonne Nouvelle- Paris III. Integra o Escritório da Música Francesa, e representa o Reed MIDEM no Brasil e na América Latina. Coordena o projeto Música: Cultura em Movimento e as edições do Guia do Mercado Brasileiro da Música.

WORKSHOP
Workshop “As Interfaces Visuais da Música” que será ministrado pelo professor Nelson Urssi pretende refletir sobre o uso dos novos suportes tecnológicos de criação (imagens e vídeo digitais, celular, Internet, etc) para a divulgação da música.
As inscrições dos worshops são gratuitas e a seleção se dará pelo envio de um currículo e portfólio digital, com imagens, ilustrações, peças gráficas ou audiovisuais, utilizadas para divulgação de música.
Os arquivos devem ter tamanho máximo de envio 5mb, pelo email nelson.u@totemusicais.com.br ou através de site pessoal, nesse caso enviar URL.
Os vídeos poderão ser postados no Youtube, as imagens no Flickr ou similar e relacionados no e-mail acima mencionado.

Prof. Nelson Urssi
Designer e arquiteto, é mestre em Comunicações e Artes pela
ECA USP. Professor de Antropologia e Análise de Interfaces
Digitais no Bacharelado em Design do Centro Universitário
Senac em São Paulo, Linguagens e Ilustração Digital na Graduação
em Design Gráfico da Universidade de Sorocaba SP.

PROJETO CULTURA EM MOVIMENTO

Música: Cultura em Movimento - Debate
Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri CE
Dia 24/quar 18h às 20h
E
As Interfaces Visuais da Música - Workshop
Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri CE
Dias 23/qua e 24/qui 14h às 18h

"A diversidade cultural global exposta pelas novas mídias e a convergência tecnológica ampliam nossos paradigmas sonoros e proporcionam um novo entendimento da musicalidade desta era digital".
Marinilda Bertolete Boulay

O projeto Música: Cultura em Movimento que acontece nos meses de abril, maio e junho em Brasília, Porto Alegre, Fortaleza, Sousa, Cariri, Belém e São Paulo é organizado por Marinilda Bertolete Boulay, e pretende ouvir todos os elos da cadeia produtiva nas cinco regiões brasileiras e em seus diferentes centros produtivos, para que a partir de uma discussão ampla, o artista, integrante fundamental desta cadeia, seja capacitado e orientado para que possa sobreviver e desenvolver sua carreira num contexto de contínua mutação e inovação tecnológica. Por provocar encontros, negócios e reflexões conjuntamente, estes fóruns ajudarão a desenvolver tanto a capacitação de nossos profissionais já integrados ao mercado da música bem como a formação e desenvolvimento de novos agentes do setor.

As novas tendências culturais, tecnológicas de produção e de desenvolvimento, contribuem para a ampliação das vertentes atuais da música, um dos nossos maiores patrimônios artístico e cultural, que alcança assim novas formas de difusão através da internet, mp3, telefonia celular e o DVD. Com a revalorização do palco e de todo o processo que envolve a criação artística e a realização de um disco num contexto de convergência das mídias e de desenvolvimento de novas ferramentas tecnológicas, combinadas à portabilidade e à conectividade, quando os agentes do setor da música vêem ampliadas as fronteiras da criatividade e o trabalho de profissionais como produtores audiovisuais, designers, arquitetos cênicos, cenógrafos ganham uma nova dimensão na difusão da linguagem musical.

A proposta do Música: Cultura em Movimento nasce a partir do Guia do Mercado Brasileiro da Música, publicação pioneira que está em sua 5ª edição, desenvolvido desde 2003, sob a coordenação de Marinilda Bertolete Boulay, ajudando na compreensão das interfaces da música e seus desdobramentos, sejam eles visuais, mercadológicos ou criativos.

Através do site www. g u i a d a mu s i c a . o r g que será lançado durante o evento é possível obter uma ampla visão desta nova realidade que envolve a música, manifestação marcante em nossa cultura.


Site, Livros e Ambiente

Lançamento do Site www. g u i a d a mu s i c a . o r g

O website do Guia do Mercado Brasileiro da Música vem ampliar o acesso às informações da versão off-line, permitindo a atualização de dados com maior velocidade e precisão. Essa versão on-line do Guia contempla diversos públicos, transformando-se em ferramenta fundamental para a autonomia de artistas da área musical auxiliando os profissionais a encontrarem soluções e estratégias mais ágeis nas relações que envolvem o mercado fonográfico.
Por ser interativo o site proporciona atualização e ampliação constantes e oferece mais de 3 mil contatos na área.
A previsão é de mais de 1000 acessos/mês até o final deste projeto.

Os Livros

Guia do Mercado Brasileiro da Música
Publicação da nova edição ampliada e revisada do Guia, que constitui uma ferramenta indispensável aos profissionais do meio, nele a cadeia produtiva da música é mapeada nas cinco regiões brasileiras.
Com um banco de dados que inclui contatos internacionais que contribuem e facilita as relações culturais entre o Brasil, a França e o mundo no domínio da indústria da música e do espetáculo.

Música: Cultura em Movimento
A publicação deste livro com textos e imagens apresentará as reflexões geradas pelos fóruns nas 5 regiões e a pesquisa iconográfica coletada durante estas ações pelo Brasil de hoje.


O Ambiente
Música: Cultura em Movimento

Espaço para os fóruns, instalação cênica e mostra com informações sobre os elos da cadeia produtiva da música contando com uma mostra de vídeos e animações gráficas sobre música selecionados a partir dos workshops com curadoria de Marinilda Bertolete Boulay, Nelson Urssi, Benjamin Seroussi (Serviço Audiovisual da Embaixada da França no Brasil) e Bruno Boulay (diretor do escritório da Música Francesa no Brasil).

segunda-feira, 21 de abril de 2008

CRÔNICA DE UMA NOTÍCIA ANUNCIADA





Pegando carona do grande Gabriel Garcia Marques com seu “Crônica de uma morte anunciada”, aliás, livro que revela que Marques com seu do realismo fantástico é um dos melhores escritores do mundo, quero abrir espaço para falar de algo que me intriga.

No mês de março o radialista Lucion Oliveira, que apresenta ao lado de Álamo Mendonça o interessante Jornal da Princesa, todas as manhãs, levou ao ar uma entrevista com o Reitor da URCA Plácido Cidade Nuvens, sobre a universidade, política e outros temas.

Lá prás tantas o Reitor falou de política dizendo que poderia ser candidato a prefeito de Santana do Cariri caso o Governo do Estado não liberasse recursos para a Universidade. Plácido chegou até a afirmar que o Municípios de Santana teria mais recursos que a Urca, via FPM.

Muitos encararam isso como uma espécie de ameaça de Plácido ao novo governo que ele diz servir. Mas não foi não.

O reitor da Urca é um político experimentado e inteligente. Sabia que o Governo iria liberar verbas para a Urca, como prometido, inclusive durante a última greve dos professores universitários. Sabendo disso, foi à imprensa, fez um discurso, ameaçou veladamente sair da Urca, sabendo que não iria sair, depois vem a verba e ele fica por cima. Um jogo que somente políticos espertos sabem fazer.

Resultado: em breve serão liberados R$ 1,35 milhões para a Urca para reforma do Museu de Paleontologia em Santana do Cariri (R$ 640.348,10); construção do Restaurante Universitário (R$ 370.053,00), além de R$ 105.275,00 que vai ser investido no Programa Integrado de Modernização do Centro de Humanidades. (essa notícia está no meu blog hoje).

Quanto à eleição em Santana do Cariri, seus adversários contam com sua candidatura. O grupo de Jesus Garcia afirma de pé junto que o adversário de Garcia será Plácido. Na verdade, os dois principais nomes da política de Santana. Eles no embate, certeza de disputa eleitoral complicada e difícil. Qualquer outro nome que Plácido colocar tem tudo para perder. Já ele, Garcia terá que suar muito a camisa, e sabe disso.

foto: www.urca.br

VEJA ELEGE CID GOMES O "GENRO DO ANO"

Por: Luciano Augusto
Num duro ensaio do jornalista Roberto Pompeu de Toledo, na última página da revista Veja, o governador Cid Gomes é eleito o " genro do ano". A Veja relata as "peripécias mundo afora de Cid Gomes, o afortunado governador do Ceará, e de sua sogra". Leia mais sobre esse assunto na revista Veja:
Ensaio: Roberto Pompeu de ToledoO genro do ano
Peripécias mundo afora de Cid Gomes, o afortunado governador do Ceará, e de sua sogra
Ainda estamos no primeiro semestre, mas daqui até o fim deste 2008 dificilmente alguém arrebatará do governador Cid Gomes, do Ceará, o título de genro do ano. Cid Gomes não se esqueceu de incluir a sogra, a senhora Pauline Carol Habib Moura, na comitiva de sete pessoas que, a bordo de um jato fretado, visitou cinco cidades européias, em dez dias, na época do Carnaval. As outras pessoas eram o secretário de Turismo do governo, Bismarck Maia, e senhora, o assessor Valdir Fernandes da Silva e senhora, o governador e a primeira-dama, Maria Célia. À boa vontade do governador juntou-se a do bom povo do Ceará, que pagou a conta: 388 596 reais do aluguel do jatinho, mais 13 841,28 reais em diárias para os três membros da comitiva detentores de cargos oficiais.
Cid Gomes é um afortunado. Dos 46 deputados da Assembléia Legislativa do Ceará, apenas dois lhe fazem oposição. Treze dos catorze partidos estão com ele. Só não está o PR, partido do governador anterior, Lúcio Alcântara. O único representante do PR na Assembléia é um dos oposicionistas. O outro é o deputado Heitor Férrer, do PDT, que, ovelha desgarrada, insiste em exercer as funções de fiscalizar o governo e cobrar explicações. A proeza em que se empenha o mineiro Aécio Neves, de juntar PSDB e PT no apoio a um candidato comum à prefeitura de Belo Horizonte, empalidece diante da de Cid Gomes, que, filiado ao Partido Socialista Brasileiro, tem em torno de si um cordão no qual se abraçam do DEM ao PCdoB, do PMDB ao PV, sem esquecer PT e PSDB.
Outra sorte de Cid Gomes é governar um estado cujos cofres só podem estar cheios até a boca, para agüentar o baque de suas ousadias administrativas. A principal realização do governo, no campo da segurança pública, foi comprar 428 viaturas Hilux SW4. Cada uma delas tem preço de mercado na faixa dos 150 000 reais. Total do pacote: 64,2 milhões de reais. Um especialista em segurança pública pergunta: "Aonde vai a Hilux que a Blazer não pode ir?". O mesmo especialista lembra que os policiais do Ceará costumam entregar a arma a um colega quando deixam o serviço, porque não há armas para todos. Não importa. Impressionantes Hilux circulam pelo estado. E só espíritos de porco haverão de pensar na conta da manutenção quando elas começarem a quebrar.
A viagem de Cid Gomes e companhia, inclusive a sogra, a Madri, Londres, Edimburgo, Dublin e Berlim deu-se entre 30 de janeiro e 9 de fevereiro. O deputado estadual Heitor Férrer, a tal ovelha desgarrada do rebanho do governador, encaminhou no dia 20 daquele mês um pedido de explicações sobre preços, propósitos da viagem e membros da comitiva. Dois dias depois o governo informou quanto tinha custado o aluguel do jatinho, mas silenciou quanto à comitiva e aos propósitos da viagem. Finalmente, na semana passada, quase dois meses após a primeira consulta – eta informação difícil, a que se exigia do governo! –, veio a lista dos passageiros. Quanto aos propósitos da viagem, informou-se que em Madri o governador e assessores participaram da Feira de Turismo, "evento importantíssimo para o desenvolvimento turístico do estado", em Edimburgo trataram de energia, em Dublin de atrair investimentos turísticos e em Berlim estiveram na "maior feira do mercado de frutas do mundo". Nenhum detalhamento quanto a quem o governador encontrou, em que dia, a que hora, que precisos assuntos foram abordados e que resultados se obtiveram.
O deputado Férrer quer o ressarcimento aos cofres públicos das quantias indevidamente gastas na viagem, e para isso mobilizou o Tribunal de Contas e o Ministério Público do estado. Em sua argumentação, dividiu o preço do frete do avião pelos sete membros da comitiva – aproximadamente 55 000 reais – e pediu que as parcelas relativas a três deles – a sogra, a esposa do secretário e a esposa do assessor – sejam devolvidas. Férrer está sendo bonzinho. Considera que a primeira-dama tem lá suas funções de representação, e portanto não deve entrar na conta, e não contesta a opção pelo avião fretado. O Jornal Nacional, da Rede Globo, fez o cálculo de quanto custaria a viagem em avião de carreira – 105 000 reais, ida e volta, Fortaleza–Madri, para os sete passageiros, em primeira classe, pagando-se tarifas cheias, ou 45 500 em classe turística.
O governador não se pronunciou sobre o assunto na semana passada. Estava de novo em viagem, dessa vez para a Ásia (para onde foi em avião de carreira e sem sogra). Como viajam os governadores brasileiros! E também os ministros, os secretários, os prefeitos, os deputados, os vereadores, os presidentes. Uma pesquisa aprofundada sobre o assunto nos haveria de situar entre os líderes mundiais, se é que não somos o líder, no ramo das viagens de políticos e autoridades. Na hipótese (remota) de Cid Gomes vir a ser condenado a devolver a quantia estimada por Férrer, a sogra lhe custará 55 000 reais. Depois da viagem do tipo "Europa maravilhosa em cinco escalas" que lhe ofereceu, será uma nova oportunidade de provar-se o genrão que se adivinha nele.

PROJETO QUER MELHORAR SANEAMENTO BÁSICO DE IGUATU

A cidade de Iguatu é pólo da região Centro-Sul, com 92 mil habitantes, segundo dados do IBGE. A falta de saneamento básico é um dos principais problemas urbanos. A lama escorre junto ao meio fio, no centro comercial, e nos bairros periféricos os esgotos invadem as ruas. Esse é o retrato da falta de investimento em obras de esgotamento sanitário ao longo das décadas.

Para mudar essa realidade, a Prefeitura elaborou projeto de esgotamento sanitário para atender a todos os bairros, no valor total de R$ 50 milhões, com recursos previstos no Plano de Aceleração do Crescimento (PAC). Numa primeira etapa, serão liberados R$ 7 milhões. Inicialmente, as obras vão atender a cerca de cinco mil famílias, moradores dos bairros Flores, Paraná, Tabuleiro e Brasília.A obra será implantada por etapas e, para viabilizar, o licenciamento ambiental na Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) foi realizado, recentemente, no ginásio do Sesc, a primeira audiência pública que discutiu o projeto técnico. Moradores, representantes de entidades de classe, associações de moradores, secretários e assessores participaram da reunião.

A apresentação do projeto foi feita pelo prefeito Agenor Neto. “A falta de saneamento básico é um problema antigo que afeta todos os moradores. O nosso esforço é para enfrentar essa questão”. Ele disse que do total a ser liberado inicialmente, R$ 7 milhões, por meio da Caixa Econômica Federal, o município terá uma contrapartida no valor de R$ 420 mil.

fonte: Jornal Diário do Nordeste

CEARÁ É O QUARTO NO RANKING

O Ceará ocupa a quarta posição no ranking dos estados brasileiros que, proporcionalmente, mantêm maior percentual de crianças e adolescentes em situação de trabalho. Quinze por cento da população na faixa etária entre cinco e 17 anos está em atividade laboral no Estado. Ao todo, são 329.930 meninos cumprindo carga horária em trabalho doméstico, vendendo mercadorias, catando lixo para reciclagem e até beneficiando a casca do coco para fazer artesanato.

A situação é antiga. A ênfase no combate ao trabalho infantil, entretanto, começou na década de 1980. De 1990 até agora, o quadro vem apresentando oscilações. Entre 1992 e 2006, os números caíram nacionalmente em mais de 50%: de 5.023.975 crianças e adolescentes trabalhando baixou para 2.273.726. O quadro agora, entretanto, está em ascensão no estado do Ceará.Pelo menos é isso o que vem mostrando a Pesquisa Nacional por Amostragem Domiciliar (Pnad) 2008, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). Os dados têm como com base os números de 2006. O estudo além de quantificar o número de crianças e adolescentes em situação de exploração, mostra o trabalho infantil numa lamentável ascensão.

Em 2004, o Ceará ocupava a oitava posição no ranking brasileiro desse tipo de exploração; no ano de 2005, passou à quinta posição.Há quatro anos, havia cerca de 200 mil crianças e adolescentes em atividade laboral. O equivalente, na época, a 10,2% da população dessa faixa etária. Em 2005, o número subiu para 222.302: 11,89% dos cearenses entre cinco e 17 anos. Na última pesquisa, o Estado alçou mais um degrau, chegando à quarta posição.O crescimento está acontecendo após uma seqüência de avanços importantes do poder público, através de ações como o Bolsa-Família e o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti).

Se essa ascensão vai parar antes de os cearenses chegarem à liderança do ranking, quando e o quê precisa ser feito para uma reversão desse processo são as perguntas e desafios da lista do Fórum Estadual pela Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Trabalhador Adolescente no Ceará (Feeti/CE).

fonte: Joranl Diário do Nordeste

MUNICÍPIOS ATRASAM DOCUMENTAÇÃO

Apesar dos questionamentos dos prefeitos sobre quando os R$ 11,3 bilhões previstos pelo Programa Territórios da Cidadania chegarão aos municípios, apenas duas das 60 localidades pré-selecionadas para receber as ações, em 2008, enviaram os relatórios finais ao governo federal: a Região do Médio Jequitinhonha (MG) e a Zona Sul (RS). Nenhum dos três territórios localizados no Ceará - que incluem um total de 50 municípios - enviou a documentação necessária para começar a receber o dinheiro. Por causa da demora, o prazo inicial para a entrega de relatórios que vencia em março só vai terminar no fim deste mês. As primeiras respostas do Governo Federal sobre o efetivo repasse de recursos devem começar a ser dadas apenas em maio, segundo o ministro do Desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel. "Alguns territórios atrasaram o processo de discussão. Estamos sendo flexíveis e aguardando. Nossa idéia é começar a encaminhar, já no final deste mês, os convênios e garantir a execução das obras. A gente não quer atropelar as comunidades, forçando a discussão", disse Cassel. O ministro admite, entretanto, que há uma certa "corrida contra o tempo" para que o repasse de recursos ocorra, já que 2008 é ano de eleições municipais e a execução orçamentária fica mais "difícil" neste período. "Este ano é extraordinário e exige mais agilidade do governo. Quando se faz isso entre os governos federal, estaduais e municipais, é mais difícil, porque exige vontade dos três níveis de governo. A idéia é que, até o final de maio, isso esteja concluído para que a gente possa começar a execução. Este é um ano especial, mas vai dar para fazer." No Ceará, há três territórios: Sertão Central, Inhamuns-Crateús e região de Itapipoca. Cassel reconhece que ainda há certo despreparo de algumas prefeituras sobre a forma de proceder diante das ações previstas pelo Territórios da Cidadania. De acordo com ele, em um país com mais de cinco mil municípios, "é possível que um ou outro prefeito não esteja completamente informado sobre o detalhamento do programa". (da Folhapress)

TERRITÓRIOS NO CEARÁ

Os municípios cearenses incluídos no programa Territórios da Cidadania -

Território da Cidadania do Sertão Central Banabuiú, Choro, Deputado Irapuan Pinheiro, Ibaretama, Milha, Mombaça, Pedra Branca, Piquet Carneiro, Quixadá, Quixeramobim, Senador Pompeu e Solonópole -

Terrritório da Cidadania de Inhamuns-Crateús Aiuaba, Ararendá, Arneiroz, Catunda, Crateús, Hidrolândia, Independência, Ipaporanga, Ipu, Ipueiras, Monsenhor Tabosa, Nova Russas, Novo Oriente, Parambu, Pires Ferreira, Poranga, Quiterianópolis, Santa Quitéria, Tamboril e Tauá -

Território da Cidadania de Itapipoca Amontada, Apuiarés, General Sampaio, Irauçuba, Itapajé, Itapipoca, Itarema, Miraíma, Paracuru, Paraipaba, Pentecoste, São Gonçalo do Amarante, São Luís do Curu, Tejuçuoca, Trairi, Tururu, Umirim e Uruburetama

Jornal O Povo

CARTÕES PAGAM GUARDA-CHUVA PARA DILMA E REVISTAS PARA MARISA

Notas fiscais com detalhes das compras feitas com cartões corporativos e contas tipo B (pagamento em dinheiro) mostram gastos do primeiro escalão do governo que vão de compra de cargas para caneta Montblanc de ministro até lupas, guarda-chuva, isqueiros e diversas revistas. As despesas, desde que não sejam para uso pessoal, não são irregulares. A norma que regulamenta o uso do cartão, porém, não define o que é gasto pessoal. Segundo a Controladoria Geral da União (CGU), cada caso tem análise separada. Entre as compras detalhadas nas notas está um guarda-chuva para a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) e revistas Caras, Nova e Claudia para a primeira-dama Marisa Letícia ler em uma viagem oficial. A ministra Nilcéa Freire (Secretaria das Mulheres) pagou com cartão corporativo para ela e para uma assessora um jantar em São Paulo, no restaurante Blue Tree Convention Ibirapuera, em 22 de agosto de 2006, que incluiu uma taça de vinho, uma caipirinha, duas sugestões do chefe, dois cafés expresso e uma água sem gás no valor de R$ 83,60. A CCU considera irregulares pagamentos de gastos a terceiros. A secretaria informou que foi a assessora da ministra quem consumiu as bebidas alcoólicas e que a parte dela na conta seria devolvida. Depois a secretaria informou que não se fez necessário devolver a diferença porque ela tinha restituição a receber de gastos que fez com seu dinheiro.

fonte: Jornal O Povo

CARTÕES PAGAM GUARDA-CHUVA PARA DILMA E REVISTAS PARA MARISA

Notas fiscais com detalhes das compras feitas com cartões corporativos e contas tipo B (pagamento em dinheiro) mostram gastos do primeiro escalão do governo que vão de compra de cargas para caneta Montblanc de ministro até lupas, guarda-chuva, isqueiros e diversas revistas. As despesas, desde que não sejam para uso pessoal, não são irregulares. A norma que regulamenta o uso do cartão, porém, não define o que é gasto pessoal. Segundo a Controladoria Geral da União (CGU), cada caso tem análise separada. Entre as compras detalhadas nas notas está um guarda-chuva para a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) e revistas Caras, Nova e Claudia para a primeira-dama Marisa Letícia ler em uma viagem oficial. A ministra Nilcéa Freire (Secretaria das Mulheres) pagou com cartão corporativo para ela e para uma assessora um jantar em São Paulo, no restaurante Blue Tree Convention Ibirapuera, em 22 de agosto de 2006, que incluiu uma taça de vinho, uma caipirinha, duas sugestões do chefe, dois cafés expresso e uma água sem gás no valor de R$ 83,60. A CCU considera irregulares pagamentos de gastos a terceiros. A secretaria informou que foi a assessora da ministra quem consumiu as bebidas alcoólicas e que a parte dela na conta seria devolvida. Depois a secretaria informou que não se fez necessário devolver a diferença porque ela tinha restituição a receber de gastos que fez com seu dinheiro.

fonte: Jornal O Povo

MST NÃO IRÁ ATENDER ORDEM DE DESOCUPAÇÃO

Os 600 integrantes do Movimento dos Sem-Terra (MST), que desde a última sexta-feira ocupam a Fazenda Turvinho, no município de Iaras, em São Paulo, decidiram não atender a ordem de desocupação da pela juíza substituta Luciane Cristina Rodrigues Pereira, da comarca de Cerqueira César. A fazenda, onde a empresa Cutrale mantém pomares de laranja, foi invadida pelo mesmo grupo que havia ocupado, no dia 12, a Fazenda Pilintra, em Agudos, região de Bauru. As duas ações fazem parte do "abril vermelho", a jornada nacional do MST para marcar o massacre de Eldorado de Carajás. Os sem-terra montaram um acampamento na área de 800 hectares e falam em resistir à desocupação. De acordo com o coordenador estadual Delwek Matheus, a Turvinho já foi declarada pela Justiça como propriedade da União e não poderia ser usada por particulares. Um oficial de Justiça esteve na área com o mandado de despejo, mas os sem-terra negaram-se a receber a notificação.

(das agências)

PAI E MADRASTA AFIRMAM INOCÊNCIA EM ENTREVISTA

Dois dias após terem sido indiciados por homicídio triplamente qualificado, pai e madrasta de Isabella Nardoni, Alexandre Nardoni e Ana Carolina Jatobá, deram entrevista ontem à noite ao programa Fantástico, da Rede Globo. Eles se declaram novamente como inocentes em relação à morte da menina. Emocionados, pai e madrasta disseram que uma terceira pessoa teria agredido e arremessado Isabella do do apartamento onde viviam. O casal afirma que a população está fazendo pré-julgamento deles, por causa da maneira como estão sendo expostos na mídia. Eles afirmam que as pessoas precisam conhecê-los. "Éramos muito unidos. Somos uma família muito unida. Meus filhos são tudo para mim", afirmou Alexandre sobre a relação entre os três. Eles alegam que não entendem a forma como estão sendo expostos. Por causa do assédio da população e da imprensa, o casal diz que não teve oportunidade de visitar novamente o túmulo da menina. populares, se mantém em "prisão domiciliar". "Não vivemos mais. Nossa vida acabou".

Fonte: Jornal O Povo

domingo, 20 de abril de 2008

ALÉM DE MESTRE ELÓI, WALDERÊDO GONÇALVES

O meu amigo, professor e Dramaturgo Cacá Araújo lembrou-se com propriedade do aniversário de nascimento de Mestre Elói Teles de Moraes. É fácil falar de Mestre Eloi, sua personalidade e principalmente o trabalho a favor da cultura popular do Nordeste. Ele aniversariou ontem, 19. Mas, na mesma data também aniversariaria, se vivo fosse, o xilogravurista Walderêdo Gonçalves. Marceneiro, xilógrafo e tipógrafo , nasceu em Crato no dia 19 de abril de 1920. Filho de José Gonçalves Milfont e Maria Liberalino Milfont.

Sua primeira peça foi uma xilogravura do “Coração de Jesus”, aos 15 anos, para um folheto de José Bernardo da Silva, Esse “taco” foi feito no intervalo para o almoço, pois, nessa época, 1935, ele trabalhava como tipógrafo na livraria e tipografia de Pergentino Maia, onde também foi impresso esse folheto.

Alguns depoimentos sobre Walderêdo

Referência destacada merecem as xilogravuras de Walderêdo Gonçalves... é sem dúvida uma das mais fortes expressões da arte popular do Ceará

Florisval Seraine

O mais clássico dos ilustradores em xilogravuras é Walderêdo Gonçalves, ainda vivo, residente em Crato, no Ceará. Seus trabalhos se diferenciam das xilogravuras atuais pela riqueza de detalhes e de traços. Pouco conhecido no Brasil, tem trabalhos publicados na Europa.

Franklin Queiroz

fonte: Livro A Xilogravura de Walderêdo Gonçalves de Jurandy Temóteo

RELAÇÃO DOS PREFEITOS COM CONTAS REJEITADAS

Os nomes de vários prefeitos, ex-prefeitos, vereadores e gestores públicos, em diferentes municípios cearenses, cujas contas de gestão foram julgadas irregulares, deverão constar da relação que o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) este ano encaminhará ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e à Procuradoria Regional Eleitoral (PRE).

As informações prestadas pelo TCM servirão de subsídios para os promotores impugnarem pedidos de registro de candidatura, se for o caso. O Tribunal de Contas da União (TCU) e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) também prestarão informações à Justiça Eleitoral sobre contas desaprovadas.

Os candidatos que tiverem com suas contas desaprovadas, este ano, deverão enfrentar dificuldades para obterem o registro das suas respectivas candidaturas. Embora não se tenha condições de antecipar o resultado de um julgamento, uma das características da Justiça Eleitoral é o respeito à jurisprudência, principalmente quando se trata de um entendimento consolidado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Antes, os candidatos que tinham contas desaprovadas pelo TCM, por exemplo, garantiam o registro da candidatura com fundamento na Súmula n° 1 do TSE que diz que “proposta a ação para desconstituir a decisão que rejeitou as contas, anteriormente à impugnação, fica suspensa a inelegibilidade”. Então, mesmo com as contas julgadas irregulares se o candidato entrasse na Justiça com uma ação para desconstituir o resultado do julgamento, independente da ação ter sido julgada ou não, garantia o registro da candidatura.

Mas, o Tribunal Superior Eleitoral embora não tenha alterado ainda a Súmula n° 1, já modificou o seu entendimento e considera que não basta apenas ajuizar uma ação para desconstituir o julgamento de uma corte de contas, sendo preciso uma decisão judicial favorável, ainda que a ação não tenha transitado em julgado, ou seja, o resultado definitivo tenha sido proferido.

Entendimento
Como as decisões do TCM em contas de gestão são consideradas julgamentos, se o TSE mantiver o entendimento que vem adotando e os juízes eleitorais e o TRE se posicionarem na mesma linha, várias lideranças políticas municipais poderão enfrentar dificuldade para a obtenção do registro de suas candidaturas. Isso pode ocorrer porque dezenas de gestores públicos são julgados a cada sessão do pleno do TCM, sendo grande a quantidade dos que têm contas desaprovadas por irregularidades, alguns até com nota de improbidade, o que complica ainda mais a sua situação.

Levantamento feito pelo Diário do Nordeste, levando em consideração os últimos julgamentos do TCM, figuram como tendo contas de gestão julgadas irregulares, com nota de improbidade, os atuais prefeitos de Baixio, Nilton Ricarte de Alencar, e de Independência, José Valdi Coutinho. Nilton Ricarte não poderá disputar a Prefeitura de Baixio este ano porque está no segundo mandato, mas Valdi Coutinho está no primeiro mandato.

Improbidade
O prefeito de Potengi, Francisco Luz Rodrigues Mendes de Sousa, também tem contas desaprovadas por irregularidades, mas sem nota de improbidade. Também têm contas de gestão desaprovadas pelo TCM, por irregularidades com nota de improbidade, os ex-prefeitos de Quixelô e atual deputado estadual, José Ilo; os ex-prefeitos Francisco Souto Vasconcelos - Ipueiras; e Públio Jorge Matias Dinelly - Choró.

fonte: jornal Diário do Nordeste, edição de hoje.

POLÍTICOS DO CARIRI COM PROBLEMAS

A matéria do jornal Diário do Nordeste deve ter assombrado alguns pré-candidatos. No Crato o ex- prefeito Walter Peixoto deve estar já conversando com seus advogados. Em Juazeiro, o ex-prefeito Carlos Cruz deve estar fazendo o mesmo. Em Barbalha Rommel Feijó, se figurar nessa lista do TCM para os tribunais eleitorais, vai ter problemas.

Rápido comentário: era muito interessante que a Justiça alguma vez prevalecesse e os políticos envolvidos em atos de improbidade administrativa ficassem fora do jogo político. É difícil para a sociedade premiar quem deu exemplos claros de não estar preparado para exercer um cargo público, ou querer usar esse cargo em benefício próprio e de terceiros.

PARA SAIR DA CRISE

Enfim, uma luz no fim do túnel para a crise financeira que se abateu, nos últimos meses, sobre a Universidade Regional do Cariri, decorrente da açodada dispensa das taxas cobradas dos alunos. Anuncia-se, agora, que o governo do estado vai liberar R$ 1,35 milhões para a Urca. A maior parcela dessa verba é destinada à reforma do Museu de Paleontologia em Santana do Cariri (R$ 640.348,10); à construção do Restaurante Universitário (R$ 370.053,00), além de R$ 105.275,00 que vai ser investido no Programa Integrado de Modernização do Centro de Humanidades. São projetos guardados há anos nas gavetas da Secitece. Para quem pensa que é muita grana, uma reflexão. Segundo o deputado Nelson Martins (PT), a Universidade Vale do Acaraú – com sede em Sobral – terá um aporte financeiro de R$ 4,78 milhões. Noutras palavras: a Urca continua na rabeira entre as demais universidades estaduais.

MISSÃO VELHA

Padre Bosco Lima acatou a sugestão desta coluna. Mandou colocar uma pequena estátua de madeira de Nossa Senhora da Luz – primeira padroeira de Missão Velha – num nicho em frente à igreja-matriz. Como a imagem colocada tem mais de duzentos anos e está um pouco desgastada, que tal aproveitar o talento da restauradora Maria Gabriella Federico e recuperá-la? Padre Bosco informou ainda que encomendou – ao escultor Franciné – um pequeno monumento (representando um casal de romeiros) que vai ser colocado na entrada de Missão Velha.

DOM FERNANDO

Dinamismo é isso! Depois de participar da reunião da CNBB, realizada em Itaici-SP, o bispo de Crato viajou para Brasília. Lá perambulou por ministérios tratando de assuntos de interesse da Faculdade Católica do Cariri. Da capital brasileira, dom Fernando Panico viajou direto para a Alemanha, em busca de recursos – junto à instituição católica Miserior – para obras da diocese que governa. Hoje ele retorna a Crato e na próxima terça-feira participa do anúncio bombástico de interesse para a Terra do Padre Cícero. Liguem os fios, como diria Alan Neto...

VÁRZEA ALEGRE

A Terra de São Raimundo Nonato vai ganhar uma indústria de móveis de plástico. Serão 200 novos empregos diretos. A confirmação desse investimento – a ser feito pelo grupo Espanhol Resol – se deu com a assinatura do protocolo de intenções junto à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Ceará.

CARIRIANAS

– O escritor Francisco Salatiel de Alencar Barbosa, residente em Brasília, lançou em Fortaleza, na Oboé, seu livro “O Joaseiro Celeste”. Depois veio visitar seus familiares residentes em Crato (...)
– O Secretário da Cultura do Ceará, Auto Filho, conheceu o projeto do cineasta Rosemberg Cariri para revitalização do Sítio Caldeirão, palco da experiência comunitária do Beato José Lourenço (...)
– Já a professora juazeirense Loureto de Lima lançará, em julho próximo, o livro contando as reminiscências do seu pai – Eleutério Tavares – repassadas por Severino Tavares (avô de Loureto) um dos habitantes do Sítio Caldeirão à época do Beato José Lourenço (...)

TERMINA HOJE FESTIVAM EM ARARIPE

Iniciado na última 4ª feira, dia 16, será encerrado hoje na cidade de Araripe a 2ª Mostra Brasileira de Música Antiga, único evento do gênero realizado no Brasil. Os concertos acontecem na igreja-matriz de Santo Antônio. A iniciativa dessa promoção se deve a Elisandro Carvalho, presidente do Instituto Atos de Araripe.

DO CEARÁ PARA O MUNDO

Depois de passar por São Paulo, Salvador e Fortaleza, a banda de lata Os Cabinha agora pode ser encontrada em Tóquio. E também Nova York, Amsterdã e Pequim. Se quiser vê-los no Oiapoque, onde dizem, o Brasil termina, também pode. Eles estão ao alcance de um click: no site do MySpace, uma das principais vitrines musicais do mundo. Na página www.myspace.com/oscabinha, os internautas terão acesso ao material multimídia, produzido pelos meninos da Casa Grande. Além das músicas que irão compor o primeiro cd da banda, alguns vídeos e fotos dos pequenos músicos também estão disponíveis. As três canções do site foram gravadas pelos meninos no estúdio da Fundação. Com suas guitarras e baixos feitos de madeira, acompanhadas de percussão e bateria compostas de latas, Os Cabinha, como bem identificou o músico Maurício Pereira, deseletrificou o rock, tantos anos depois do rock ter eletrificado a guitarra.

sábado, 19 de abril de 2008

ARANHA: O HOMEM DO JOGO



O Guaratinguetá, time pequeno em São Paulo, foi derrotado hoje à noite em casa e cedeu a vaga para a Ponte Preta na final do campeonato paulista de 2008. A “macaca”, como é conhecida a Ponte espera agora o vencedor de Palmeiras e São Paulo, que se enfrentam amanhã. Como todo time pequeno, o Guaratinguetá se comportou da forma equivocada dentro de campo. Além disso, não esperava que o goleiro adversário, o Aranha, da Ponte Preta, pegasse as bolas do jogo e de mais outros cinco. Foi bola em cima de bola e de quebra um pênalti. O pior disso tudo é o futuro incerto da equipe, que fica fora de competições. Mais ainda, se não estiver estruturada, vai ficar igual os times cearenses, completamente parada. Ademais, foi um jogão de bola, de encher os olhos: duas boas equipes jogaram, mas só uma poderia ir para a final.

O que esperar de um clássico como Palmeiras e São Paulo? Muita coisa, catimba, nervosismo, marcação forte, belas jogadas, gols, menos violência. A atitude de certas “torcidas” deve ser combatida pelo Ministério Público e Polícia e ter total apoio da sociedade. A verdade é que os cartolas ganham com as chamadas organizadas. Uma troca de interesses que prejudica o futebol e afasta as famílias dos estádios.

No geral vai ser um jogão, com direito à tudo.

DEIXANDO TUDO CLARO




Só para esclarecer os leitores deste blog, acerca de informação que veiculei, dando conta que o deputado estadual Sineval Roque (PSB) defende a união de todos os partidos de oposição na disputa pela Prefeitura do Crato. No texto deixo claro que é uma idéia do deputado. Atualmente, conversando com os outros partidos, inclusive os de esquerda, nada está definido. O Partido dos Trabalhadores, por exemplo, defende candidatura própria. O PC do B já participou de uma reunião com o Partido Verde, mas afirma que nada está resolvido. O PV tem como pré-candidato André Barreto, que disse para este articulista que será candidato. Portanto, o deputado Sineval Roque tem uma idéia de unir todos e ser o candidato de todos, mas isso está difícil e não resolvido.

PROBLEMA SÉRIO DE SINEVAL ROQUE

Um problema sério para o Sineval Roque é o ex-prefeito Walter Peixoto. Poucas lideranças políticas querem subir em Crato, no mesmo palanque de Walter Peixoto, a não ser que, estivesse liquidada a fatura, ou seja, WP estivesse eleito. Mas, como em política e no futebol, tudo é imprevisível, será difícil para Roque convencer os partidos de esquerda da importância de WP em uma administração séria e comprometida, por exemplo, com uma postura transparente de gestão. Walter Peixoto, quando prefeito, foi o contrário do que sempre pregou a esquerdas. Acho que as esquerdas cratenses não subirão nesse palanque. Seria uma desmoralização e um suicídio político.

O próprio apoio ao Sineval Roque por parte das esquerdas será complicado. O que explicar para a população? Só por que se quer a derrota do atual prefeito, não quer dizer que tenha que se aliar a qualquer um para derrotar outro. Na política, deve haver princípios.

TRE CASSA MAIS DOIS VEREADORES POR INFIDELIDADE PARTIDÁRIA

Por: Beto Almeida

O TRE do Ceará cassou, em sessão do Pleno, o mandato de mais dois vereadores por infidelidade partidária. São eles: Aldemir Firmino de Souza, ex-DEM de Chorozinho e Francisco Valdécio Rocha Souza, ex-PSDB de Barroquinha. Esta semana também já tiveram seus mandatos cassados por infidelidade partidária os vereadores Antônio Alexandre de Sousa, do PSDB, de Itapipoca, e Raimundo Xavier Aguiar, do PP de Capistrano.

Em março deste ano, o TRE cassou o mandato do vereador Antônio Cândido Ferro, do município de Pindoretama. Foi o primeiro caso de cassação por infidelidade partidária no Ceará, desde que o Supremo Tribunal Federal decidiu que os mandatos pertencem aos partidos e não aos políticos. Essas decisões do TRE ainda são passíveis de recurso e, em caso de recorrerem do julgamento, permanecerão nos cargos, aguardando a decisão definitiva da Justiça Eleitoral.

Fonte: www.cearaagora.com

CEARÁ REGISTRA 9.388 CASOS CONFIRMADOS DE DENGUE

Por: Luciano Augusto

O Ceará registra 9.388 casos confirmados de dengue, segundo boletim semanal da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) divulgado nesta sexta-feira (18). Somente de dengue hemorrágica já são 122 casos confirmados em laboratório.

Quatro pessoas morreram vítimas da doença, sendo duas pelo tipo hemorrágico e outras duas por dengue com complicação. Outras 11 mortes continuam sendo investigadas, oito delas em Fortaleza, que também concentra a maior parte dos registros.

Os hospitais públicos da capital cearense estão lotados. A prefeitura e o governo do Estado buscam leitos na rede particular. Semana que vem, 1.200 policiais do Ronda do Quarteirão, que fazem o policiamento comunitário, entrarão na luta contra a doença na capital cearense e região metropolitana. Eles foram treinados a orientar a população no combate ao mosquito transmissor da dengue, Aedes aegypti, e também no socorro às vítimas mais graves.

Agência Estado
Leia mais no site: www.cearaagrora.com

COMUNIDADES CEARENSES TERÃO 300 NOVOS POÇOS EM 2008

A SOHIDRA deverá encerrar 2008 com 300 novos sistemas simplificados de abastecimento construídos e instalados em 152 municípios cearenses. As obras fazem parte do Plano de Ações para a Convivência com a Seca do Governo do Estado e envolvem um montante de 5,4 milhões de reais investidos. A escolha das comunidades beneficiadas é feita por uma comissão formada representantes da prefeitura, da igreja, de sindicatos de trabalhadores e da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural – EMATERCE.

Depois de decidido o local, a SOHIDRA envia um geólogo para realizar um estudo geofísico para verificar a viabilidade da construção naquela localidade. Este método de trabalho tem garantido à superintendência 98% de aproveitamento na escavação dos poços. O Diretor de Águas Subterrâneas da SOHIDRA, Borges Machado, ressalta o cuidado que a autarquia tem na execução das obras, entregado-as já com caixa d'água e chafariz para a população. Mas este cuidado traz um grande retorno, segundo diretor: "ver a reação das pessoas das comunidades quando começam a ver a água brotar do solo é indescritível".

Para acelerar os trabalhos e garantir o cumprimento do prazo de entrega dos 300 poços, a SOHIDRA reequipou e modernizou suas viaturas e as perfuratrizes que já possuía, além de adquirir mais duas com capacidade de perfuração de até 500 metros. Para 2009 está prevista a compra de mais duas destas máquinas.

MOSTRA DESUSA TRAZ CONVERSA SOBRE VÍDEO-ARTE

A conversa sobre videoarte trata-se de uma discussão sobre o dispositivo e a imagem, o vídeo como linguagem subjetiva através da arte e do olhar. O gesto da tomada, o ato em si, o vídeo, a televisão como máquina que expõe essas imagens, a subjetividade.O videoarte é uma forma de expressão artística onde o vídeo é o dispositivo principal para exibição, posso dizer que se trata de uma linguagem entre esse dispositivo e a relação entre imagem e espectador.Surgiu na década de 60, onde artistas saiam do olhar comercial para criação de idéias e diziam estar criando uma "contra-televisão" e suprir às suas descobertas artísticas.O mundo urbano, a tecnologia, a busca por novos ideais, novos olhares sobre as imagens, surgem para um ato investigativo, para uma nova modalidade do movimento das imagens e o espaço em que está inserido.

VIDEOARTE IMAGENS E DISPOSITIVO
No dia 22, às 19 horas, no Centro Cultural do Banco do Nordeste - em Juazeiro do Norte. MINISTRANTE NÍVIA UCHÔA - FOTÓGRAFA

PCDOB SE REÚNE COM PV EM CRATO

Mesmo chegando com bastante atraso esta informação, pois só hoje vi em minha caixa de e-mail. Quem nos repassou esta informação foi Alexandre Lucas, membro do DM do PC do B no Crato.

Nesta ultima quinta-feira, dia 27/03, membros da direção municipal do Partido Comunista do Brasil – PCdoB no Crato, tiveram reunião com o presidente do Partido Verde, André Barreto. Na oportunidade estiveram presentes os dirigentes Alexandre Lucas, Darlan Reis, Waltécio Almeida, Plínio Delatorre e Roberto Dias pelo PCdoB e André Barreto e o artista Carlos Salatiel pelo PV. A reunião teve como objetivo debater a conjuntura municipal e uma possível aliança para as eleições deste ano. A intenção dos comunistas é construir uma aliança ampla com os setores progressistas que viabilize o projeto de mudança para a cidade. O PCdoB deverá se reunir também com outros partidos e os possíveis candidatos à prefeito no Município

19 DE ABRIL - DIA DO MESTRE ELOI!

Eloi Teles de Morais, Mestre Eloi ou “Seu Elóia”,
estaria completando, na data de hoje, 72 anos de idade.

Deve ter sido um menino como muitos:
de brincar de bila, peteca, triângulo, futebol,
fazer danação, estudar,
cair, chorar,
levar carão, croque, cascudo...

Deve ter sido um adolescente como tantos:
de se perfumar,
ir ao cinema,
paquerar,
se apaixonar,
namorar...

Mas foi um homem como poucos:
marido amoroso,
pai dedicado,
profissional exemplar,
amigo sincero,
político coerente,
folclorista brigante em favor da cultura popular,
da história e das verdadeiras raízes do povo,
poeta embevecido de sertão e desejoso de ver a emancipação
e a felicidade dos desvalidos...

Sua voz brejeira e jeito sertanejo
expressavam a ética e a poética do homem Cariri...

Sua palavra camarada, indômita e guerreira
representava a valentia, a força e a ousadia dos amantes da liberdade!

Era branco, era negro, era índio...

Mestre Eloi era uma vastidão
habitando uma alma bela e iluminada

Sua partida desta que chamamos vida
foi o mote do cordel desavisado
que lhe elevou à condição de mito e herói...
...Fonte de inspiração permanente e imortal!

Hoje é Dia do Mestre Eloi!

Crato-CE, 19 de abril do ano 2008.

Prof. Cacá Araújo
Dramaturgo e Folclorista
Presidente da Fundação do Folclore Mestre Eloi

PESQUISADORA DESCOBRE TRIBO

Trezentos anos depois da chegada dos primeiros colonizadores no Sul do Estado, restam poucas informações sobre os índios Cariris, primeiros habitantes da região. A presença dos nativos foi parcialmente esquecida pelos historiadores oficiais. A memória dos Cariris foi apagada pelo tempo. A igreja da Sé, por exemplo, foi construída em cima de um cemitério indígena num desrespeito contra um direito de todas as sociedades humanas. A prerrogativa de enterrar, com dignidade, seus entes queridos.Hoje, quando se comemora o Dia do Índio, os pesquisadores correm atrás do prejuízo histórico. A professora e ambientalista Rosi Mary de Araújo descobriu no Sítio Poço Danta, a 25 quilômetros do Crato, uma tribo indígena que tem o sobrenome Cariri. A comunidade, formada por cerca de 70 pessoas, ainda mantém os mesmos hábitos de seus antepassados. Vivem da pesca e da agricultura de subsistência. Fabricam cestos, balaios e utensílios de barros. O milho continua como a base da alimentação.TradiçãoUtilizam ervas para curar as doenças e ainda praticam rituais de pajelança, uma forma de reza que é exercida por Vânia Cariri, numa pequena casa de oração, onde são encontrados santos da igreja católica, candidato o santo, como Padre Cícero, personagens do candomblé e entidades indígenas. O sincretismo religioso é respeitado por todos os integrantes da comunidade.Este ano, o grupo conseguiu uma escola municipal. É a “Escola Indígena Cariri Luiz Felipe da Silva Cariri”. Que tem como professora uma integrante da comunidade, Débora Avelino, conhecida por “Gasula”. Na pequena casa, mantida pela prefeitura do Crato, alunos na faixa etária de 10 a 70 anos aprendem, além das primeiras letras, lições de ecologia e a história dos índios Cariris.Com 72 anos, cabelos brancos, a mais velha moradora da comunidade, Nilza Cariri, conta que sua avó pegou o “dente de cachorro” nas matas da região e foi trazida por um rico proprietário rural para o Sítio Poço Danta. O proprietário fez questão de registrar os índios que trabalhavam com ele com o sobrenome Cariri.História dos CaririsOs índios Cariris eram originários da Ásia e chegaram ao novo mundo pelos rios Amazonas e Tocantins. Dois tipos étnicos chegaram à América no período neolítico: os Sudésticos e os Brasilídios, a procura de um lugar que lhes dessem melhores condições de vida. Alguns prosseguiram a sua migração que só foram detidos pelas águas caudais do Rio São Francisco, difícil de serem transpostas e então asenhoraram-se da vasta região que compreende este rio. Uma dessas tribos foi a nação Cariri que chegou ao sul do Ceará nos séculos IX e X da era Cristã em busca de terras férteis, úmidas, quentes e de fácil plantio, de onde pudesse retirar o sustento da família e, conseqüentemente, melhorar a qualidade de vida dos integrantes da tribo.Encontraram no Cariri, mais precisamente no Crato, o ambiente propício às suas aspirações; com suas fontes e riquezas naturais a região propiciou-lhes uma vida fácil e primitiva, retirando da natureza, em abundância, uma diversidade de alimentos como macaúba, babaçu, piqui e araçá, dentre outros da cultura indígena.CulturaDedicaram-se, ainda, ao plantio da mandioca, do milho e do algodão. A caça e a pesca farta nas matas e rios fazia do ambiente um verdadeiro paraíso tropical onde suas famílias puderam viver em paz durante muito tempo. A vida na tribo era tranqüila. Suas residências eram construídas com a palha da palmeira. Usavam utensílios feitos de forma artesanal como cabaças, cuias e coités. Fabricavam diversos utensílios domésticos.Dentre eles destacamos o pilão de socar, a arupemba, o abano, esteiras de palha de palmeira e artigos feitos em cerâmica como vasos, pratos e panelas onde podiam fazer seus cozidos provenientes da farinha de mandioca (produzida em estilo rudimentar, em casas de farinhas primitivas) e do milho. O beiju, a tapioca, a puba, a canjica, o cuscuz e muitas outras receitas nutritivas vieram dos nossos antepassados indígenas. A maioria destes costumes foram e continuam úteis às comunidades atuais.

FIQUE POR DENTRO
Pedras de fogo são superstição sobre a triboConta à superstição que as pedras de fogo que caíam do céu (os meteoritos) traziam desgraça, provocavam incêndio na mata e rachaduras nas árvores, colocando muito medo nas pessoas. Quem encontrasse uma pedra dessas deveria dirigir-se à beira do rio ou da mata, dar as costas e atirar a pedra para trás, retirando-se do local sem voltar para observar onde cairia a pedra. Guardar a pedra em casa era atrair raios em dias de chuva. Acontece que esses meteoritos são parecidos com artefatos indígenas, às machadinhas, e na dúvida o comportamento de quem as encontrava era o mesmo, atirar no rio ou na mata. Na maior parte das vezes, eram artefatos que iam parar no fundo do rio, e não os meteoritos. Com isso, um rico material sobre a história desses índios ficou no fundo dos rios, e raramente são encontrados.

IDENTIDADE
Professora estuda origens do grupoCrato. “A construção da identidade de um povo tem como base sua história. Por isso, a história do Brasil e, particularmente, a história do Cariri passa pela cultura indígena”. A observação é da professora Rosi Mary Araújo, uma índia Cariri, que montou a sua taba de índios em Crato com o objetivo de aprofundar as pesquisas sobre suas origens. Rosi não aceita o rótulo de descendente de índio. “Eu sou uma índia Cariri”, afirma com orgulho.Nascida no Sítio Carnaúba, município de São Benedito, Rosi cresceu ouvindo histórias indígenas contadas por seus pais e avós. Descobriu que suas origens estão no Crato de onde os índios Cariris emigraram, por volta de 1730, quando chegaram os primeiros colonizadores e se espelharam por todo o Nordeste. Dois núcleos dos Cariris ainda hoje resistem em Crateús e São Benedito.

O mais significativo deles está em Crato, agora identificado pela professora Rosi.InformaçãoA pesquisadora lamenta as poucas informações sobre os Cariris. Esqueceram a grande contribuição que o negro e o índio deram para o desenvolvimento do Brasil. Essa história, segundo Rosi, foi reduzida a quase nada. Ficaram apenas peças soltas. O índio é visto muito mais como figura folclórica, objeto e não como ser humana. Além disso, pessoas encontram diversos utensílios pertencentes aos índios.

O carroceiro Leônidas Bezerra da Silva passou mais de três anos com uma pedra guardada em casa na certeza de que se tratava de uma “pedra de corisco”, jogada na terra durante uma noite de relâmpagos e trovões. A pedra foi encontrada no bairro Batateira, num terreno de Maria Muniz. O carroceiro estava retirando barro para uma construção, quando a picareta bateu na pedra, provocando centelhas de fogo.No mês passado, Leônidas procurou o Diário do Nordeste para entregar a pedra que foi levada para o Departamento de Produção Mineral (DNPM) a fim de ser identificada. Os geólogos Bendimar Filgueiras e Artur Andrade identificaram a pedra como uma machadinha feita de granito.

ANTÔNIO VICELMO
Repórter
Mais informações:Telefones: (88) 9239-2046(88) 3513-4401

Matéria publicada na edição de hoje do jornal Diário do Nordeste
Leia mais: www.diariodonordeste.com.br